sexta-feira, 10 de junho de 2011

Ao meu Cunhado

Pássaro Livre

Atravessa o céu


Segue tranquilo no seu voar solitário

Choca-se com o infinito

Beijando o azul do azul do azul...azul

21 comentários:

RELTIH disse...

ÉL ES SU AMOR? FELICITACIONES!!!
BESOS

SAM disse...

Minha querida amiga,

O que dizer desta ternura e beleza? É sentir...É ver o azul do azul. Linda homenagem, amiga!

Beijos com carinho e ótimo fim de semana.

Sonia Regina disse...

Vanuza querida!

Belo,doce,sutil...

Perfeita homenagem!!!

Um beijo!

Sonia Regina

Arnoldo Pimentel disse...

Que lindo, parabéns pela bela homenagem. Tudo de bom pra você.Saudades.Beijos

Rodrigo disse...

O carinho que dividimos e compartilhamos por esta pessoa tão especial
Mais do que merecido!

Um grande Beijo!
Rodrigo

Olhos de mel disse...

Querida Vanuza; que esse lindo pássaro leve e espalhe pelo mundo; amor, paz, compreensão e tolerância, que o mundo precisa demais!
Adorei as fotos!
Bom domingo! Que seja um dia de amor, paz e realizações! Beijos

Drika disse...

Amiga, to aqui, cheia de sdds de vc =) Linda suas fotos, que paisagens incríveis! Coisa boa é estar com os familiares, né? Temos que fazer isso mesmo, arrumar um tempo em nossa vida agitada para estar, visitar, mesmo os mais de longe.
Sabe que eu também adoro viajar de ônibus porque temos mais o contato com as paisagens, com a beleza das estradas.

Linda suas palavras e a imagem do pássaro... quero tanto ter asas assim e esta liberdade toda... =))

Van, não consegui postar em seu blog do Matagal... tentei duas vezes e não consegui, amiga. Quero acrescentar que banana é bom para evitar cãimbras, amiga hahahha
Adorei!

Bjo no seu coração... bom ter você de volta =*

Fa menor disse...

Essa é uma enorme liberdade: voar livre no azul infinito.
Lindo!
:)

Graça Pereira disse...

E de azul em azul...foi manhã num outro lugar! O vôo é solitário mas, as recordações são partilhadas!
Mil beijos
Graça

Carla Fernanda disse...

Solidária ao solitário neste azul tão azul Vanuza. Por que tão solitário?
Beijos aos dois!!
Carla

Evanir disse...

Que a cada amanhcer seus
o olhos brilhem de amor.
Aproveite a cada minuto
com se fosse o ultimo.
E a cada amanhecer no silencio
do seu pensamento fique imaginando apenas
coisas boas para sua vida.
Abraçe com todo carinho
somente a felicidade
que contagia sua vida.
Jamais se entregui ao desespero
a vida nasce a cada manhã.
beijos com infinita ternura,Evanir..

O Árabe disse...

Sentida e bela homenagem, Vanuza. Ficou linda! Bom resto de semana, amiga.

Pedro Miguel disse...

Esse abraço afetuoso entre parentes quer dizer que ainda existe respeito entre as pessoas.

Abraço para você
Vanuza

Guilherme Pantaleão disse...

Seu cunhado merece esse poema. Gostei, mãe!
Carinho do Guilherme

.Sim Eu Digo disse...

A busca da cor na ternura ao outro.
Transcende.

Beijos da Shirley!

Elaine Crespo disse...

Olá Vanusa!

Realmente lindo o poema!Muito leve e sensível. Parabéns!!
Tenho um blog pessoal onde posto poemas, minha novela e poemas famosos e uns que encontro navegando entre sites e blogs.
Adoro Poesia e literatura em geral. Mas meu fraco é cinema! Sou cinéfila convicta.(risos)

Vi no seu perfil os filmes e o bom gosto impera na escolha dos favoritos. Não sou CULT, mas gosto de filmes de arte também. Na realidade cinema para mim é emoção, então o filme tem que me tocar o coração. Mas gosto de muitos diretores famosos e cinema Europeu.
Herança de minha mãe e pai!

Bem meu comentário virou carta e pelo que você ver falo muito e escrevo muito!(mais risos)
Meu blog favorito é o Day by Day meu primeiro de seis que tenho.

Uma linda noite e muita paz!!

Beijos,
Elaine Crespo

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Vanuza! Fiquei muito feliz com a tua visita, o teu comentário e, principalmente, por teres te tornado seguidora do nosso humilde espaço. Isso somente aumenta a minha responsabilidade de melhorar tudo aquilo que crio e escrevo. Espero que voltes mais vezes, pois será sempre um prazer renovado. Eu, particularmente, aqui voltarei mais vezes, pois, além de teres um espaço interessante e bastante aconchegante, tomei a liberdade de me tornar teu seguidor, isso até quando quiseres, é claro.

Quanto ao post, lindo o pássaro livre, conforme à vontade de DEUS.

Beijos e ótima noite pra ti e para os teus.

Furtado.

Aracy Crespo disse...

"Pra nunca perder esse riso largo e esta simpatia estampada no rosto", tudo haver com você minha querida Vanuza.

Homenagem ao cunhado? só pode ser uma pessoa de luz para receber este carinho de você. Parabéns pelas palavras.

Beijos azul da cor do céu para vocês...

MOISÉS POETA disse...

O azul é inexplicavelmente belo .

que bonito essa homenagem .

um beijo !

Carla Fernanda disse...

Querida passei para deixar-te um beijo e adorei sua foto, o banco...
Carla

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Vanuza
Obrigado pela visita ao meu blog e pelo comentário.
Bjux