sexta-feira, 9 de maio de 2008

Um dia pra lá de especial...

Mãe BOMBRIL, sim! Por que o susto, você aí que está bem alimentado, confortavelmente instalado? Acha que tudo "caiu do céu"? ACHA...ou, na pior das hipóteses, se faz de desentendido, hein? Questiono no masculino, mas há muita moçoila que "deita na sopa" da coroa. A coroa, obviamente, é aquela senhora despenteada que corre de um lado para o outro, arrumando gavetas, passando roupinhas para os pequerruchos que, muitas vezes já passaram dos vinte, trinta...a coroa não é só uma mulher semi-alfabetizada, pode ser também uma mulher até com pós-graduação em Harvard, porémmmmmm, por uma lavagem cerebral secular, milenar, internalizou que é "a rainha do lar". Aí, danou-se!
Chega o esperado DOMINGO: um pano de prato; uma panela; um ferro-elétrico, ouuuuuu, no máximo da "sensiblidade", uma rosinha...de plástico. As naturais murcham e pra que um filho vai gastar seu rico dinheirinho numa rosa "murchante" (pode ser neologismo, mas o Guimarães, que era Rosa, foi quem os andou inventando)?
Sai da cozinha, esgotada, e anuncia feliz: "- a lasanha tá pronta!"
Ora, e quem vai comer lasanha de mãe estressada?
A casa está vazia. É melhor ir para a cama, tomar um sonífero e esperar o dia seguinte que será igual ao anterior, igual.
Também, quem mandou brincar de boneca?
Tá bom, FELIZ DIA DAS MÃES PRA QUEM CURTE!
EU? Desculpem, a lasanha vai queimar!
Tô mau-humorada e na menopausa.

15 comentários:

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Ah! Eu ando de saco-cheio mesmo...e se me comento é porque o blog é meu e a maior parte das pessoas gosta de dourar a pílula! Mãe sofre, mas é porque é masoquista também e não soube educar os filhos...podem me xingar à vontade!Risossss

JADY ALVES disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JADY ALVES disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rodrigo disse...

Discordo plenamente. Existe outas esponjas de aço tão boas quanto bombril, assim como existem outras mães com opinião diferente da sua, que adororam paparicar seus filhos, e o fazem com muito prazer, rss. Brincadeira à parte, a mãe ainda é uma mulher, não podemos esquecer disso... ostei do texto.Beijos!

Anônimo disse...

Toda mulher já nasce mãe, portanto, sagrada, mas a sociedade a coisifica e até bombril ela vira.Iracema, uma leitora de passagem.

Guilherme disse...

As mães tem muita responsabilidade com sua família, pois, a mãe é um dos pilares da família brasileira. Excelente texto. Guilherme

Anônimo disse...

Todas as mulheres são mães por natureza.

Adriano disse...

Mãe pega no pé mesmo!

Coisas Minhas disse...

Eu sou mãe bom-bril mesmo, faço tudo, mas sei que isso não é muito bom.

Coisas Minhas disse...

Aliás, por falar em bom-bril, com ele se pode fazer um monte de coisinhas para casa, coisas bonitas, claro! Em breve vou dar minhas receitas, espero que goste!

dida disse...

SÓ VOCÊ MESMO!!!!!!!!!!!ADORO SER MÃE,MAS NÃO SOU BOMBRIL, NÃO SEI FAZER LAZANHA,NÃO GOSTO DE COZINHAR E CUIDO MAIS DE MIM QUE DA CASA.NUNCA GANHEI PRESENTE PRA CASA,SEMPRE EXIGI PRA MIM E POR AI VAI...NINGUÉM ME AGUENTA NA COZINHA,A NÃO SER DE PASSAGEM...MUITO BOM O TEXTO E MUITAS MULHERES AINDA SE AMAM MUITO POUCO OU NEM SE AMAM E SE SUBMETEM À ESCRAVATURA MACHISTA!TÔ FORA!!!BEIJÃO

dida disse...

SÓ VOCÊ MESMO!!!!!!!!!!!ADORO SER MÃE,MAS NÃO SOU BOMBRIL, NÃO SEI FAZER LAZANHA,NÃO GOSTO DE COZINHAR E CUIDO MAIS DE MIM QUE DA CASA.NUNCA GANHEI PRESENTE PRA CASA,SEMPRE EXIGI PRA MIM E POR AI VAI...NINGUÉM ME AGUENTA NA COZINHA,A NÃO SER DE PASSAGEM...MUITO BOM O TEXTO E MUITAS MULHERES AINDA SE AMAM MUITO POUCO OU NEM SE AMAM E SE SUBMETEM À ESCRAVATURA MACHISTA!TÔ FORA!!!BEIJÃO ZILDA SANTIAGO

A VOZ DA FLORESTA disse...

A grande mãe é quem comanda a tribo!

Ritinha disse...

Eu sou assim.É a tradição, não escapamos!

tudo verdinho disse...

Isso é comum nas mães, a minha era assim!