terça-feira, 13 de abril de 2010

O Segredo do Universo Borgiano

Essa casa em ruínas...

Percorro esse quarto na penumbra tendo como companhia Jorge Luiz Borges e por ele me aflijo, por isso o pânico. Afinal, foi o conto que li daquele velho bruxo argentino em um tempo perdido entre sonhos e alfarrábios que levou-me ao caos existencial. A realidade querendo nos despertar. Aperto-lhe a mão fria e ausente. Ele a retira da minha e ordena-me que não o toque.
- Não posso, Borges!
Borges afasta-se e grita-me lá do fundo que encontrou o segredo. Insisto que não há segredo algum. Estou amuada com a sua estúpida insistência. Louco! Louca fui eu ao acreditar em seu realismo fantástico e desproporcionalmente belo.
- Veja o tigre sobre a mesa, não distorça tudo, atente para as suas manchas. Nelas está inscrito o segredo universal. Você não vê porque não é cega e só nós, os cegos e poetas, podemos enxergar algumas verdades e até...
- E até? Conclua, vamos!
-...até a verdade de amar...
- Porém, considere a possibilidade de que Deus não possa gostar de você...
- É verdade, amigo, ele nunca gostou. Jorge Luiz Borges, mesmo cego, criou uma obra extraordinária que ajudou a difundir a cultura latino-americana.
_________________________________________
SÓ PARA OS MUITO ROMÂNTICOS...
"Nada pra mim" com Ana Carolina

47 comentários:

SAM disse...

Querida amiga,

entrei neste " universo Borgiano". Prendo-me nesta reflexão universal... Maravilha de texto!!!


Lindo dia, amiga. Beijos, com carinho.

Aracy Crespo disse...

Olá minha querida amiga,lindo texto e uma ótima dica, não conhecia Jorge Luiz Borges pesquisei e achei incrível.

Quanto a Lucinha Lins "Purpurina" ainda hoje fico indignada com as vaias que ela recebeu com esta linda canção.

Que Deus te proteja..

Beijos

Lilá(s) disse...

Conheço algumas obras de Jorge Luíz Borges. Este texto está uma maravilha!
Bjs

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Eiiiiiiiii!" Universo Borgionano", valeu a pena ter vindo aqui amiga.
Como sempre você nos passa cultura, diversão, compromissos, tudo de bom aqui.
beijos, beijos em todos.

Fátima disse...

Olá Vanuza, feliz com sua visita.
Conheço poucas obras de Luiz Borges, mas é o sufuciente para admirá-lo.

Quanto a musica de Vanuza, me remete a um tempo onde residem muitas das minhas melhores lembranças.

Beijo.

Beautiful Stranger disse...

Querida Amiga, a tempos estou lhe devendo uma visita, senti imensa saudade, mas cincurtancias me impossibilitavam, hoje, depois de alguns meses ausente da blogosfera, voltei e fiz questão de visitá-la e me enriquecer com seus 'posts' cada vez mais envolventes. Tenho muito carinho por você...

Beijos


Beautiful Stranger
strangerbeautiful.blogspot.com

Bill Falcão disse...

Gênio é gênio, Vanuza. Aqui, ali, na claridade ou na escuridão.
Obrigado pela presença lá em nosso niver.
Bjooo!!!

Drika disse...

Van... passei para deixar meu abraço! Hj realizei um sonho e foi muito bom... escrevi lá no blog dos sonhos...=)

Passei mesmo para deixar rastros dessa felicidade por aqui =) vc merece tbm!

Bjão no coração... volto para comentar seu post ;)

olha só...
o contato com as crianças me contagiou, Van...


Jasmim! Jasmim! Jasmim!
Queres morar no meu jardim?
Diz que sim! Diz que sim!
Queres que te leve o tufão?
Diz que não! Diz que não!
Queres que te colha a Inês?
Diz talvez! Diz talvez!

Jasmim! Jasmim! Jasmim!
Tens pétalas de cetim?
És branquinho e não carmim?
Tens aromas só para mim?

- Sim!
=)))

Justine disse...

Os livros, meio feliz de viajar pelo mundo inteiro! Borges leva-nos longe...
(Obrigada pela visita! E tenho de confessar que sou uma apaixonada pela tua cidade:)))

Daniel Costa disse...

Vanuza

Aprecio muita ler José Luis Borges e como apreciei deveras o presente texto.

O etarno medicante, condida a passares a um novo poema, por estar inluído no post a maquete do CAFÉ LISBOA. O motivo é um pouco as arcadas dos Ministérios de Terreiro do Paço, em Lisboa.
Beijos
Daniel

Graça Pereira disse...

Não conhecia Jorge Luis Borges (Aqui aprende-se muito) Gostei do texto que é muito bom... e lá vou eu pesquisar na net para enriquecer os meus conhecimentos...não quero fazer feio a teu lado!!
Beijocas amigas
Graça

Justine disse...

Já aí estive 3 vezes, a cidade começa a ser-me familiar. A última vez foi e Dezembro passado, duas semanas em casa de ums amigos na Praia do Flamengo, com uns passeios pelo meio a Parati e Angra.
Da próxima vez que for encontramo-nos,fica combinado. Mas este ano vou a Alexandria:))))
Abraço

C Valente disse...

Saudações amigas e como é bom por aqui passar

clean and clean disse...

Você tem um coração e muito talento para nos brindar.

Cumprimentos do amigo que não te esquece. Te mando e-mail. Abçs

Pedrasnuas disse...

JORGE LUIZ BORGES...AI,NÃO CONHEÇO...QUANDO TRAZES ESTES NOMES SONANTES SINTO-ME PEQUENA...UM GRÃO DE AREIA..."SÓ SEI QUE NADA SEI..."

ESTOU DE VOLTA...UM RECOMEÇO AINDA COMEDIDO...

BEIJINHO SEM SEGREDOS

cirandeira disse...

Então é isso, amiga? Andas "viajando pelo Universo Borgiano"...!? És mesmo muito
corajosa. Meus parabéns!Aquele homem respirava, transpirava literatura, poesia, ficção.Vivia mergulhado nas Letras,confundindo-se com elas!Era um gênio,mas estudava muito.RALAVA!Creio que ele se foi sem encontrar o "terceiro tigre", que tanto buscava e que muitos de nós também andam à procura...!
Esse teu "diálogo" com ele está tão
interessante que até parece real!

Beijoooo

VANUZA PANTALEÃO disse...

Esse contador de comentários é um enigma borgiano, rsrs!!!

cirandeira disse...

Vanuza, querida, és mesmo terrível,
hein? O que eu quis mesmo dizer, e vou dizê-lo agora,(mais uma vez),é que escreves tão bem, que parece real. Cheguei até a imaginar a cena, acreditas? É por isso que gosto tanto de ler:eu simplesmente me transporto, faço longas e maravilhosas viagens. Além de aprender e apreender muita coisa boa!
Um beijão

Nilson Barcelli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Isa disse...

Amiga,gosto muito das suas"conversas"
bem reais,com os autores,seus grandes amores.
E J.L.Borges bem o merece.
Beijo.
isa.

Angela Reis (Luna Luz) disse...

Excelente postagem! Maravilhoso texto o teu! Adoro vir aqui, poder mergulhar nesse universo Vanuziano. Aprendo muito contigo, sem contar o prazer que uma boa leitura me proporciona. Obrigada!! =)

Confesso que ainda não conhecia esse autor. Vou pesquisar acerca dele. Parece-me bem interessante.

Bjos querida! Deus te cuide! =*

Baby disse...

SE todos pudessem enxergar um dia
"a verdade de amar", a vida seria bem mais completa.

Excelente texto.Vê-se que amas as palavras e tratas com muita intimidade aqueles que sabem usá-las.
Foi um prazer vir aqui.
Beijos.

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Universo explêndido...sabe às vezes me pergunto se Deus tem seus escolhidos...

Texto maravilhoso!

Um beijo!

Sonia Regina.

Fa menor disse...

Os cegos desenvolvem outras capacidades que não os que vêem...
os poetas vêem também com outros olhos
.
quando se é poeta e ainda por cima cego, então, deve ser detentor de capacidades extraordinárias.

mas, chegar à verdade de amar todos temos essa capacidade. assim queiramos procurar.

Beijinhos

Drika disse...

Van, querida... senti uma breve angustia ao ler o texto, mas uma vontade de acreditar - da parte da pessoa - nas coisas que vê com olhos de poeta, com olhos do coração, como diz o princepezinho =) Bonito, né?

Beijos no teu coração e um fim de semana cheio de coisa boa!
Ahhh e obrigada pelo abraço em mim e na Larissa ;) Amamos! =)

cristinasiqueira disse...

Falar o que após Borges e de quebra a sugestão de Ana Carolina.
SHOW!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Sempre vc muda tudo,fotos,músicas.VOCE.
Adoro seres mutantes que não se prendem ao rumo da prosa mas protegem a essencia da alma.

Beijos carinhosos,

Cris

O Profeta disse...

Eram azuis os dias que inventei
A casa dos meus sonhos feita de chocolate
A criançada nunca esgotava a gargalhada
Um cão de meigo olhar não fala, mas late

Uma gaiola dourada
Uma papagaio papagueando sem parar
O amor tatuado em cada canto
Para teres a certeza, no teu chegar


Um bom fim de semana

Mágico beijo

rosa-branca disse...

Maravilhoso texto mas que eu não conhecia o autor. Beijos e bom fim de semana

Kamilla Barcelos disse...

Vanusa, muito obrigada pelo carinho de sempre lá no meu blog!

Como de rotina, sempre que veio aqui aprendo sobre algum artista. Jorge Luiz Borges eu não conhecia, mas pelo seu texto ele parece fantástico.

Angela Reis (Luna Luz) disse...

Vou seguir sua indicação, vou ler sim. Tratarei de comprar um livro dele ainda esta semana. Amo uma boa leitura.

Obrigada pelo carinho de sempre, te adoro, viu, de coração!! =*

Um final de semana de muita paz e inspiração divinas.

bjos

mixtu disse...

o mestre
excelente tributo
excelente
desde há muito que amo os autores de lingua castellano da america latina

abrazo serrano

εїз ViViAn ★ Sbrussi /(",)\ disse...

Olá amiga!
adorei a sua visita!
vim ver as novis!

=D

эїє    эїє     эїє    эїє    эїє     эїє
.:¦ﷲ¦:.__.:¦ﷲ¦:.__.:¦ﷲ¦:.__.:¦ﷲ¦:.__.:¦ﷲ¦:.__.:¦ﷲ¦:.


"Pare com isso",
disse a mãe ao perceber que sua filha fazia caretas
para o Buldog do vizinho.
E a menina respondeu,
"Mas foi ele que começou."
Em parte ela estava certa, o Buldog tem naturalmente
uma cara antipática e malvada, mas ela não ganhou nada
tentando competir com ele.
Assim é a pessoa que tenta pagar de igual modo tudo o que recebe.
Na verdade, o esforço é inútil e ela é que sofre mais.


O mundo nos diz: "Vingue-se!"
Jesus nos diz: "Ame ao seu inimigo...
Bendiga os que o maldizem...
Vença o mal com o bem..."


Se você quer saber quão espiritual você é, pergunte-se:
"Qual a minha atitude para com os que me maltratam?"


Lembre-se:
"Quem atira lama nos outros, suja as suas mãos."


"Todos os dias Deus nos dá um momento em que é possível
mudar tudo que nos deixa infelizes. O instante mágico é o
momento que um SIM ou um NÃO pode mudar toda a nossa existência."
(Paulo Coelho)


( )( )
(=';' ) beijinhos...uma ótima semaninha!
(,('')♥('')


эїє    эїє     эїє    эїє    эїє     эїє

Nilson Barcelli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Silenciosamente ouvindo... disse...

Minha amiga obrigada pela sua visita
no dia da cor e pelas suas palavras
e pelo seu registo.
Estou numa fase de doença que me
impede de estar muito tempo ao
computador, no entanto gosto muito
de todas vós e enquanto conseguir
irei estando no v/contato.
Beijinhos/Irene/Portugal

betencourt disse...

Com um sorriso assim at+e eu era leitor ass+iduo, interessado e respeitador

Excelente post

rosa dourada/ondina azul disse...

Que maravilha vim encontrar:)))

Texto, música, reflexão...


Beijo com amizade,

Alma Inquieta disse...

Olá Vanuza!

Parabéns!

Não conhecia esse autor, mas aqueles que nós, "normais", consideramos que têm deficiência nos dão cada lição de vida, menina!

O que eu aprendo com eles, nem imaginas!

Um beijo e boa semana.

J. Araújo disse...

Olá Vanuza, a quanto tempo hein!!

Passei por aqui e me encantei com o texto.

Bj

O Árabe disse...

Borges: realmente, um autor fantástico. Merecia esta homenagem bem ao seu estilo. :) Boa semana!

aflores disse...

Adoro livros, adoro ler.
Adoro entrar numa livraria e procurar o livro que eu quero...sentir na minha mão o toque do papel, sentir o cheiro...e chegar a casa e "participar" na aventura e no prazer da leitura.

Agradeço e retribuo visita ao meu blog.

Bem-haja.

Tudo de bom

Francisco Sobreira disse...

Bem sacado esse texto que tem Borges como inspirador e personagem. O argentino é demais. Eu acrescentaria que ele foi um dos maiores escritores do mundo, não apenas latino-americanos. Um abraço, Vanuza, e um bom feriado.

Maria Leite disse...

Que maravilha é essa amiga, não o conheço mas fiquei interessada nessa literatura, vou procurá-lo por aí...em alguma estante na penumbra...bjs pra ti, saudades sempre.

DarkViolet disse...

Desconheço a obra do escritor. Tentarei ler algo dele. Realemnte toda a gente consegue transmitir algo, e moldar o seu quadro consoante as suas expressões

Iana disse...

Ola minha querida...

Venho agradecer seu carinho em "Vidas" Obrigada!!!

Também venho retribuir com o mesmo carinho...

Quando tiveres tempo vai ao meu outro cantinho, pois "Vidas" eu dei uma boa parada já algum tempo. E, será bem vinda no meu jardim onde lá será uma nova flor...

Grande beijo da rosa amiga
Iana!!!

Nilson Barcelli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Drika disse...

Van, querida... como foi de feriado? Por aqui passei estudando e agora tá chovendo... tava precisando!

Bom restinho de semana, amiga! Bjssss

"Não haverá borboletas se a vida não passar por longas e silenciosas metamorfoses."

Rubem Alves

VANUZA PANTALEÃO disse...

Fazendo 49 aqui para acertar lá fora(48). Nem vou reclamar, não adianta mesmo!