quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Zilda Partiu Para Porto Príncipe

Isso não me sai da cabeça. Tudo seria bem diferente se, digamos, você estivesse no meu lugar. Se fosse o inverso e eu no seu. Queria explicar-me , mas todos já demonstraram de muitos modos e jeitos. Todos, sem nenhuma eficácia.
Artistas, poetas, lavadeiras, crianças, gurus, haitianos, zumbis famintos de sangue.
Tudo poderia ser diferente se Zilda não tivesse ido, definitivamente, para Porto Príncipe. De qualquer forma, isso não faz nenhuma diferença já que o Haiti também é aqui, é aí, e ai de ti que não quer entender nada. Vai se arrepender por sua covardia, mas arrependa-se bem longe de mim...
Leve a rosa que lhe ofereci, Doutora Zilda!
Seus meninos (e eu) vamos chorar por ti, aqui e no Haiti.
Zilda Arns era irmã de Dom Paulo Evaristo Arns, um dos mais árduos combatentes pelos Direitos Humanos nos tais "anos de chumbo". Aquele sotaque do sul carregado de mensagens de amor e coragem, muita coragem, pois a vida, naqueles tempos, era algo abaixo do insignificante. Significaria mais, hoje?
O Brasil e o mundo estão ficando cada vez mais miseráveis de valores Ético-Humanos, mas que diferença isso faz???

Gilberto Gil canta "Não Chore Mais"...
Impossível não chorar, Gil...

43 comentários:

Graça Pereira disse...

Ainda bem que há "Zildas" neste mundo... há é poucas!! As pessoas especiais, arregaçam as mangas e com coragem, enfrentam o mundo e tudo quanto ele tráz nos dias de hoje... E as outras? Põe a cabeça de lado em jeito de luto, derramam uma lágrima (ou talvez não...) e já estão a pensar no dia de amanhã!
Este mundo cão!
Um beijo
Graça

Rodrigo disse...

A recente tragédia no Haiti nos leva a reflexões que não são novas.
A tragédia segue de mãos dadas com a miséria e o descaso. A natureza parece cada vez mais furiosa com a humanidade e as consequencias sem precedentes...
No Haiti não morreram mais do que morrem na África e com certeza morrerão muito mais pelo mundo subdesenvolvido.
Mas em cada lugar deste, Deus coloca um dos seus anjos como a "dona Zilda" para aliviar o sofrimentos de tantos.
E quando um desses "anjos" se vão nos resta apenas lamentar e deixar seu sangue falar por si mesmo.

Um grande beijo!
RODRIGO.

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Vanuza!

Pensei em tantas coisas ao ler seu post...

-pensei que a Dra.Zilda foi para o Haiti, em acordo com as minhas crenças,para servir de guia aos seus "negritinhos" como ela carinhosamente chamava aos menininhos negros.Cumpriu sua missão!Cumpriremos as nossas, tão pequenas?

-pensei naqueles anos e me pergunto se algo,de fato,mudou ou foi mascarado,por pessoas tão inescrupulosas quanto?

-pensei na hipocrisia...agora todos lamentam o Haiti,mas há quanto tempo este país passa fome e necessidade?Foi preciso um "barulhão" da natureza para que ajudas chegassem?

-não chorar é impossível quando o que se vê é a miséria fazendo homens ,mulheres e crianças,as crianças da Dra. Zilda, brigarem por um gole de água com que os poderosos lavam seus carros...

Justiça Divina,onde está?

Um beijo e uma lágrima sincera...

Sonia Regina.

Feliz 2010 da Dri! disse...

Amiga... hoje pensei muito nessa mulher também... aliás, já ha alguns dias. Minha conterrânea, orgulho nosso de ser catarinense =)) Mas ela é de todos os brasileiros, de todos os países... seu coração dilatou-se, amou!!! E que graça ter deixado este mundo dentro de uma Igreja junto com pessoas que ela amava tanto, não é?
Seu sorriso hoje ecoa em nossas mentes, sorri aos nossos olhares... vale a pena viver assim...e é assim que quero também viver...
Abraço, amiga!
Deixo aqui uma rosa para ela e para vc tbm!
Bj no coração!

Pedrasnuas disse...

EU HONESTAMENTE AINDA NÃO EMITI NENHUMA PALAVRA ACERCA DO SUCEDIDO...TENHO ASSISTIDO RELIGIOSAMENTE ÀS IMAGENS TENEBROSAS QUE NOS TÊM MOSTRADO...E SINTO-ME VERDADEIRAMENTE INDIGNADA E CHOCADA ...NÃO POSSO CRER QUE NINGUÉM DO EXTERIOR POSSA SALVAR OS QUE ESTÃO SOTERRADOS...É ENLOQUECEDOR IMAGINAR 100 CRIANÇAS DE UMA ESCOLA PRESAS NOS ESCOMBROS...PORQUE É QUE A AJUDA INTERNACIONAL TARDA EM CHEGAR?! NÃO POSSO CRER QUE NÃO HAJA MEIOS EXTERIORES ...PROVENIENTES DOS PAÍSES RICOS PARA AJUDAR NA BUSCA DAQUELES QUE AINDA VIVEM....E PEDEM SOCORRO...
SEGUNDO CONSTA A DRA ZILDA E MAIS UNS DIRECTOS COLABORADORES ERAM IMPRESCINDÍVEIS MAS COMO FORAM VÍTIMAS, A ORGANIZAÇÃO ESTÁ DESORIENTADA...
INFELIZMENTE QUANDO O BRAÇO FORTE CAI...TUDO O RESTO DESMORONA...E DIZES MUITO BEM ...HAITI NÃO É SÓ LÁ,A POBREZA,A FALTA DE MEIOS, O ABANDONO, AS CARÊNCIAS ...BASTA PENSAR NAS CRIANÇAS DAS FAVELAS...ESTES ACONTECIMENTOS DEVIAM ACORDAR OS GOVERNANTES ...AS CONSCIÊNCIAS ADORMECIDAS....O PROBLEMA NÃO É SÓ A FORÇA DO SISMO, MAS O FACTO DE ESTA GENTE NÃO TER UM GOVERNO...NÃO TER RIGOROSAMENTE NADA...MAS NADA A QUE SE AGARRAR A NÃO SER A AJUDA INTERNACIONAL...E DAS ALMAS MARAVILHOSAS QUE DÃO A SUA VIDA A CAUSAS NOBRES E POR FATALIDADE DO DESTINO MORREM NO EXERCÍCIO DAS SUAS FUNÇÕES ...QUANDO TINHAM MUITO PARA DAR ...

VALORES HUMANOS?! AI COMO EU TE COMPREENDO!!!!!!
ONDE ESTÁ DEUS ?

TALVEZ SEPULTADO POR TANTOS DESGOSTOS PERPETRADOS NESTE PLANETA QUE ELE CRIOU COM TANTO AMOR...

(ESSA TUA SOBRINHA TEM UM SORRISO TÃO LINDO...)

BEIJO AFECTUOSO E MUITO AMIGO

Fernanda disse...

Amiga Vanuza,

Acabei de ler a sua história de vida completa, confesso que não conhecia a Zilda.

Lamentavelmente o Mundo chorará mais uma morte, esta de alguém que passou a vida a praticar o bem e que estava no sítio errado na hora errada. O destino!!!! Quem sabe?

Beijinhos
Sempre Jovens

lita duarte disse...

Vanuza,

Tenho falando sempre sobre os flagelos desse mundo, faço o que posso e sei que é o mínimo...

Doutora Zilda era uma inconformada com o rumo do mundo, fez o que pode e um pouco mais. Dou graças a Deus por tudo o que ela fez.

Beijos.

SILÊNCIO CULPADO disse...

Vanuza

Realmente impossível não chorar mas se choramos nos humanizamos. Talvez a dor traga uma nova ordem às coisas. É preciso conscencializarmo-nos da desumanização para que possamos combater a frieza dos tempos.

Lindo este post e estes bocados de alma que aqui nos fazem viver.

Abraço

Angela Reis (Luna) disse...

Gostei do seu blog. Vou acompanhar os teus passos =)

É a primeira vez q passo por aqui e me deparei com esse texto.
Bela e merecida homenagem!!
Sigamos o exemplo de Zilda, que a gente aprenda a dividir pq dividir é multiplicar. Q a gente n espere q a mídia nos mostre as mazelas do mundo para que acordemos. O mundó está aí. Se faz necessário que façamos algo, que não só cuidemos dos nossos entes, dos nossos filhos, mas que nos preocupemos também com o "próximo" que nos é distante. Às vezes a gente se depara com um mendigo, com uma criança que está nas ruas jogada a todo tipo de "sorte", passando fome, frio... a gente simplesmente vê e finge que não vê e passa... e deixa passar... passar em branco... uma reação sem ação... ou nenhuma reação... e diz ou pensa e daí, não sou eu, n é comigo, nem com os meus, cada que se vire, já tenho problemas demais, cada um com sua cruz... não é assim. Enquanto não nos conscientizar-mos essa será a foto, trágica e lamentável...

O Mundo não vê

...


Janelas abertas,
Portas abertas,
Cabeças!
O mundo não vê
indiferente ao sofrimento que passa,
Olhos vendados, Lábios mudos
Não há algum grito,
Não se escuta mais a dor que passa
Já não importa
Que vida, meu Deus!

Crianças em sua tênue inocência
Brutos invadem suas almas
Flagelam pobres coitados
O mundo não vê

A lua chora
O sol arde irado
O mundo não vê

A fome maltrata
Corpos doentes,
Retrato da violência
Janelas abertas,
Portas abertas
Cabeças
Olhos vendados
O mundo não vê
Não se faz nada

Maria chora
Pobre anjo dilacerado
Velhos não suportam o peso da cruz
O tempo jaz
Verdes mares, esperança
Quando?
O mundo enlouquecido não vê
Não se escuta mais os gritos
Não se dá mais atenção
O mundo cansado,
Vencido
Não se luta mais
Oh! Famigerada violência

Desertos
Olho em volta, nada!
Janelas abertas
Portas abertas,
O mundo fechou
Um vazio
Cabeças sumiram no pó
A terra escureceu
Num grito de dor
Que posso fazer
Choro...

Sopra um vento
Um fio de esperança
Quem sabe
Bons tempos virão...

Angela Reis

Bjos em seu coração!!
Fica com Deus

Ps. Há uma conta que a caixa econômica criou para ajudar nossos irmãos haitianos, agencia 0647, operação 003, conta 600-1, PNUD/Haiti. Acho que qualquer agencia da caixa deve saber informar como será o procedimento de repasse.

SAM disse...

Bom dia, querida amiga!

É mais um dos seus textos maravilhososamente escrito e feito com verdade e coração.
"O Brasil e o mundo estão ficando cada vez mais miseráveis de valores Ético-Humanos, mas que diferença isso faz???["

Confesso que me desespero...


Carinhoso beijo, amiga! Um abraço solidário e sincero.

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Vanuza.

Quem é vivo acaba aparecendo mais cedo ou mais tarde. Oia eu aqui!! :-)

====

Nosso destino ninguém conhece e temos que dar graças a Deus por ainda existirem pessoas como D. Zilda que com coragem tentam fazer a diferença neste mundo de miséria onde crianças morrem por falta de comida, enquanto em outras partes do mundo há tanto disperdício.

Sem dúvida, o terremoto no Haiti foi uma tragédia em vários sentidos. E um alerta!

Não dá para não chorar... :-(

************



Um pensamento ALEGRE para o fim de semana:
"Não há satisfação maior do que aquela que sentimos quando proporcionamos alegria aos outros."

M. Taniguchi






BOM DIA!




♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥




http://brincandocomarte.blogspot.com/

___________________________________

Pedrasnuas disse...

SINTO-ME LISONJEADA E SIMULTANEAMENTE TRISTE POR SABER QUE NO MEU CANTO ENCONTRAS PAZ NUM MOMENTO TÃO COMPLICADO E REVOLTANTE COMO ESTE...PODERIA SER POR UM MOTIVO MAIS FELIZ...MAS ESTÁS SEMPRE À VONTADE, PARA DIZERES O QUE PENSAS E SENTES...
PORQUE OS SENHORES DA GUERRA TÊM PRESSA PARA CONSTRUIR MATERIAL BÉLICO COM O INTUITO DE MATAR MAS NINGUÉM SE LEMBRA DE FAZER O AMOR ,SEMEAR AMOR ,O VERDADEIRO AMOR SALVADOR DA HUMANIDADE, QUE INFELIZMENTE SE DESUMANIZA CADA VEZ MAIS QUANDO PROFEREM PALAVRAS DE SOLIDARIEDADE E CRUZAM OS BRAÇOS DIANTE DO SOFRIMENTO DOS OUTROS...OS INTERESSES ECONÓMICOS,A RIQUEZA,A SEDE DE PODER FALAM MAIS ALTO...INFELIZMENTE É A VERDADE!!!
QUERIDA AMIGA VAMOS TER ESPERANÇA E CRIAR UMA ONDA DE ENERGIA POSITIVA...

COMO EU TE COMPREENDO!

UM ABRAÇO SINCERO

Pedrasnuas disse...

VANUZA FIQUEI SEM PALAVRAS PARA RESPONDER AO TEU COMENTÁRIO. QUERO AGRADECER E ENALTECER A TUA PERSPICÁCIA, A TUA COMPREENSÃO,A TUA HUMILDADE QUE FAZ DE TI UM SER HUMANO AINDA MAIS GRANDIOSO.

DEIXO AQUI O MEU CARINHO .

Isa disse...

Acompanhei o choque e o desgosto do desaparecimento da Drª Zilda!
Fiquei triste e tive pensamentos...q.
sei k ñ devia ter tido!
Lindo o seu texto.
Beijo.
isa.

Olavo disse...

Passando para desejar um excelente final de semana..
Beijão

Angela Reis (Luna) disse...

Querida e doce Vanuza,

Eu que agradeço, é uma honra para mim que esteja acompanhando-me. Fico feliz =)

É prazeroso e gratificante acompanhar teus passos, os passos de quem tem tanto a oferecer. Obrigada por nos proporcionar tudo isso.

Jesus te abençõe!

bjos no seu coração

O Sibarita disse...

Ô dona moça, numa hora dessa só nos resta chorar e orar muito por Dona Zilda!

Confesso, me sinto tão pequenino diante da grandeza que foi dona Zilda e do seu excelente texto!

PARABÉNS pelo seu texto!

bjs
O Sibarita

Olhos de Mel disse...

Querida amiga; infelizmente esses seres humanos se vão, mas deixam sementes plantadas de um trabalho valoroso. Espero que não deixem que as sementes morram.
Acredito que Deus precisava dela em outro lugar.
Bom fim de semana! Beijos

b disse...

"Ambos observam estrelas,
Pipas, figurinhas de papel
Forjar o trigo...e etc..."
(Gilberto Gil)
Caríssima, a vida só é de valor para quem,mesmo sendo estrela, soube forjar o trigo e fazer-se Deméter para tantos - como a Zilda.
Não choro mas canto como reverência.
Beijocas mil.

Nilson Barcelli disse...

Impossível não chorar... dizes bem...
Há pessoas que dão tudo pelos outros. Mas são poucas, deviam ser todas...
Querida amiga, bom Domingo para vc.
Um beijo.

Barbara disse...

Eu havia comentado mas de repente ainda está na peneira mas tinha a ver com a música do G.Gil.
"Estrelas...pipas, figurinhas de papel.
Forjar o trigo"..etc...
Eu comparei a Dona Zilda com a coragem de quem forja o trigo-vida, no ato de transformar vidas.
+ ou - isso.
Beijocas.
Aproveite o que queira.De novo beijocas.

Lilá(s) disse...

Não conhecia a Zilda, mas já li bastante sobre ela nos ultimos dias, mais uma perda para o mundo...
Bjs

Angela Reis (Luna) disse...

Amiga,

Obrigada por sua doce presença e pelo carinho das palavras. Fico feliz!!

Jesus te abençõe

bjos no seu coração =*

Maria disse...

Uma MULHER incrível, escreveu sua própria história sem reservas para si...doou tudo para os outros, inclusive seus últimos minutos aqui neste mundo de penitêcias...á Zilda, toda minha admiração.Vanuza parabéns pela homenagem, vc tbm é dona da sua própria história e uma MULHER incrível, fada de alma sensível, te adoro messssssssssmo.Ah, vou trabalhar o gênero blog com meus alunos do Ensino Médio,vou trabalhar o seu tbm tá? Adoro teu blog, é informativo, criativo....INTELIGENTE! É isso garota, vc é SUPER, bjxus.

O Árabe disse...

Faz, amiga. Enquanto as Zildas existirem... a esperança existirá! Bela homenagem, boa semana!

Feliz 2010 da Dri! disse...

Vanuza... a cruz do Haiti é uma lembrança de que não estamos sós... mesmo em meio a tanta dor, medo e falta de entendimento.
Não desistamos tbm, né? =))

Bjs no coração, amiga? E seu gatinho, como tá?

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Querida amiga Vanuza, estou voltando e vim aqui também para te ver [risos].
Vir aqui é sempre um grande prazer, encontrar suas postagens maravilhosas e cheias de grandes verdades.
Parabéns amiga, esta agora é espetacular, lembrar D. Zilda com sua infinita bondade nos faz acreditar em seres humanos.Mil beijos e um enorme carinho.

Daniel Costa disse...

Vanuza

Que prazer!... Desejo estejas completamente recuperada.
Depois, depois... o mundo ficou mais pobre, sem riqueza humana de Zilda.
Fiquemos com fé de que o exemplo frutique, para que apareçam muitas Zildas.
A proveito a convidar a dares uma passagem no "amigos selinhos".
Beijos de sincera amizade.
Daniel

Graça Pereira disse...

Vim só deixar um beijo amigo
Graça

eva disse...

Por vezes é difícil compreendermos o porquê das coisas. Não sou das que acha que devemos aceitar tudo com resignação, cruzar os braços perante o incompreensível, etc. mas, nestes casos, acredito que talvez haja razões para que as coisas assim aconteçam. Nós é que estamos muito aquém de as compreender e, provavelmente, não teríamos sequer de as compreender. Mas a dor de ver partir os que amammos é bem real.
Bjssss

Léo Metallica disse...

Eu trabalho dentro da Vila Militar no Rio, e ví uma semana antes um destacamento de soldados tirando fotos e fazendo uma cerimônia de despedidas. Eles estavam indo para o Haiti.

Dias depois do ocorrido, eu vejo uma outra cerimônia. Agora sobre os nossos soldados mortos.

Penso que há tanto sofrimento naquele povo.

Fico com os pensamentos que elevou o BUDA a níveis altíssimos de santidade.

Buda se questionou: "Porque há tanto sofrimento e dor humana no mundo, o que essas pessoas tem para viver além de agonias e desespero?"

Sete dias e sete noites debaixo das árvores gêmeas, chamado de O Jardim das Árvores Gêmeas, Buda alcançou a sua iluminação com um simples conceito.

"A MORTE NÃO É O FIM DE TUDO, MAIS APENAS O COMEÇO".

Estranhamente eu tenho por esta frase um sentimento Niilísta de devoção a morte. Não que eu queira matar ou morrer, mais pensando desta forma eu não sinto tanto medo da morte, pois eu sei que depois que nossos olhos cerrarem, abrirão em outro lugar.

Espero que essa historinha de Buda possa vos amançar o coração sobre esta morte de Zilda, que tanto lhe significou.



Saúde Moça Vanuza... Saúde mulher.

Direto da Terrinha.
Beijos.

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

x

VANUZA PANTALEÃO disse...

Fui hackeada nos comentários. Um absurdo!