sábado, 12 de setembro de 2009

Fuga por becos, libertação

Densa foi a noite enquanto a escuridão encobre estrelas. Parecia-me estar de olhos vendados e caminhando para a morte iminente, inglória, solitário fim. Instinto e intuição sopram em meus ouvidos:
- Fuja, eles virão em pouco tempo, te trucidarão e serás levada à arena ainda úmida do sangue sagrado dos cristãos.
A cabeça ferve, o coração altera seu ritmo e entra em descompasso. No desabalar da correria me desembesto pelo chão de terra batida de algum mundo incongruente fora ou dentro de mim mesma, fujo.
Sem gritar, sem gemer, oculto-me o quanto posso. Assim, fui ficando invisível, virei noite também. O inimigo estava à espreita e me caçava armado até os dentes, exército de lobos, uivos, muitos uivos.
Negrume sem fim até que avisto uma luzinha trêmula em um beco, uma viela estreita encoberta por ramagens vivas entranhadas entre si. Segui pelo caminho estreito sem pensar duas vezes. Bati em algumas portas implorando abrigo, mas ninguém socorre aos desesperados porque desesperados estão.
O medo ia me congelando as veias, mas um espinheiro rasgou-me a pele e o sangue brotou quente. Um naco de mim ficou por lá. Não faz mal, sempre deixamos algo para trás...
Pela fresta da janela uma mulherzinha encarquilhada com as mãos em concha sobre os lábios me reanima e diz ,sem convicção, que me safarei. Não lhe presto atenção.
Corro mais e apuro bem a audição: os uivos e ruídos desapareceram. Talvez tenham desistido, agarro-me a essa suposta esperança.
O casario desgastado se sucede, perco os sapatos e a cinderela castiga seus pés nas pedras pontiagudas, nenhuma dor, quero escapar, somente. Dia amanhece.
Cheguei!
Uma cerquinha tosca encerra a longa trilha. Preparo-me para o salto definitivo. Puxo todo o ar que me resta no peito e pulo como um felino para o outro lado. O cenário se transforma e automóveis ferozes deslizam em alucinada velocidade pela avenida larga da megalópole. Lobos de metais brilhantes, temo pedir-lhes carona, quase me atropelam.
Bem, pelo menos, por enquanto, estou livre!




Nota:
Texto baseado em sonhos recorrentes que não gosto de interpretar, nem tentarei. Basta-me que sirvam de fonte de inspiração.

68 comentários:

Rodrigo disse...

Por becos escuros trilha nossa mente diariamente.
O medo e a sensação de abandono nos leva ao calabouço de incertezas.
Nossa alma clama por libertação! Libertação interior!
Os grilhões que nos aprisionam nos abandonará quando encerrarmos esta jornada? Mas se haver outra?
A única certeza que temos é que uma etapa se encerra, até lá, estamos continuamente em fuga.
O texto traduz exatamente exatamente esta fuga ao inevitável. O "lobo" que nos espreita não nos abandonará!
A autora reflete "os becos" de nossa sociedade opressora ou de nossa opressora forma de fuga que incoscientemente escolhemos.

Parabéns!
De seu amado, Rodrigo.

Jacque disse...

Obrigada pela visita, pegue tb a bonequinha da sorte no Blog: PRA VOCÊ COM CARINHO.

Beijo.

Jacque

Isa disse...

Vanuza,desculpe a minha falta...
Estive de férias,depois "perdi um sonho" e fiquei mto triste.
Melhoro lentamente e...penso q. serei capaz!
Beijo.
isa.

PATRICKÍSSIMO disse...

Olá Vanuza!

Grato pela mensagem no metro quadrado das artes...

Também não gosto de interpretar sonhos: eles são um emaranhado de coisas reais e irreais do nosso dia a dia.

Prefiro também que me sirvam de fontes de inspiração.

Abraços oníricos.

Estive por aqui sonhando.

Bala Salgada disse...

Essa é a verdadeira escritora, viajei amiga.

Você escreve muito bem!

Rs...espero que seu filho tenha gostado!

Mil beijos e um abraço apertado.

Barbara disse...

Talento seu, viu?
Fui imaginando as cenas e quase entrando nelas.
Até porque sinto-me segura em becos.
Beco?
Útero de mãe - único refúgio e onde a gente deixa sempre um "naco" que pela corrente sanguínea, vai direto pro coração da mãe e lá fica _ seja em que circunstância for.
Não sou intérprete de sonho nem quis cortar teu barato.
Escrevi o que veio , sem pensar.

Bala Salgada disse...

Tem selo aqui:

http://www.balasalgada.net/2009/09/5-gifs-hilarios.html

Mil beijos!

Pedrasnuas disse...

ASSEMLHA-SE A UM CENÁRIO DE TERROR...UM FILME...A FUGA...
FOGE-SE POR RAZÕES VARIADAS, ATÉ DE NÓS MESMOS...E O BECO TRARÁ LIBERTAÇÃO?
QUEM REPRESENTARÃO ESSAS PERSONAGENS ?
O LADO DE CÁ...O LADO DE LÁ...O SALTO DEFINITIVO...QUEM TE PERSEGUE?
UM PESADELO INTERESSANTE...SERVIU DE INSPIRAÇÃO E NA MINHA MODESTA OPINIÃO RESULTOU UM BELO TEXTO CHEIO DE AVENTURA...PORQUE SERÁ QUE COLOCASTE ESTE CENÁRIO EM PALCO?
NÓS SOMOS RESPONSÁVEIS PELOS NOSSOS SONHOS...

BEIJINHO E UM SEMANA LUMINOSA

Graça Pereira disse...

Vivi a tua narrativa... quase arfando como tu, transpirando e o coração batendo forte e depois...o alívio: do outro lado da cerca, a liberdade!! Até quando?
Uma boa e feliz semana ( sem pesadelos) e um beijo Graça

eva disse...

Vanuza, não há duas pessoas iguais e, portanto, esta "receita" vale o que vale. Há pessoas com quem funciona, outras não. Quando temos pesadelos, uma maneira possível de lhes ir reduzindo a densidade e o dramatismo é tentarmos ser nós a dirigir o final, ou seja, quando acordamos ou ainda estamos semi-dormindo, vamos fabricando nós um final feliz. Com a prática, costuma resultar.
Votos de uma semana em que os pesadelos dêem lugar aos sonhos.
Bjss

Silvana Nunes .'. disse...

Excelente espaço para reflexão.
Parabéns !
saudações Florestais !

cirandeira disse...

Caramba! Vanuza! Que texto excelente, hein amiga escritora!
Esse teu "cantinho" aí, nessa janela, toda compenetrada, rrrsss´, é uma fonte de inspiração.
Estavas realmente bem inspirada quando escreveste esta "fuga". Sonho ou ficção, o fato é que escreves muito bem.
PARABÉNS!
Uma ótima semana pra ti
Bjs

giramundo disse...

Que "fuga" hein!? E que "libertação", Vanuza! Uma escritora de mão cheia. Gostei demais de teu conto. Os sonhos existem para serem revelados e, sob a pena de uma boa escritora, entram para as páginas da literatura! Que continues inspirada.Aproveita o momento para "explorar" essa tua veia criativa, porque talento não te falta!
Uma excelente semana pra ti
Bjs

cristinasiqueira disse...

Oi Vanuza,

Sonhos rendem histórias para quem tem o dom de contá-las.E você o faz com encantamento.Muito bom.
Becos,labirintos,meandros da alma.
Somos assim fugimos de lobos.

Com carinho,

Cris

Te espero

Bala Salgada disse...

Uma coisa que acho muito interessante são as pessoas não socorrer desesperados, por estarem desesperadas. Infelizmente acontece, quando se ajudássemos, nosso desespero diminuiria.

Eu fico tão contente linda, muitas bençãos pra família inteira.
Amo aqui!

Beijãozão do tamanho do mundo!

SAM disse...

Bom dia, amiga!

Tão maravilhosamente escrito e descrito que entrei e vivenciei este sonho. E isto, porque a sua narrativa traduz semelhantes sonhos pelos mesmos motivos que a nossa sensibilidade evidencia: o que se vive, o que se sente e o que buscamos. E Rodrigo mais além alcançou e destacou.


Enorme beijo, meu carinho e uma linda semana, amiga!

Pedrasnuas disse...

SEM FALSAS MODÉSTIAS FIQUEI SÓ UM BOCADINHO VAIDOSA...:)))

BEIJINHO E UMA SEMANA RADIANTE

b disse...

Turquia?
Terra mágica. De São Pantaleão,Santa Barbara, São Jorge, e mais aqueles santos meditativos e solitários, como os do Líbano,(São Charbel), além de ter a Turquia uma égide mística , que continua até hoje, nesse misto interessante entre povos cristãos e muçulmanos.
DNA de primeira o seu...
Ainda vamos trocar muito nesse sentido, pois também tenho há muito , uma compatibilidade enorme com povos orientais.
Esteja bem, abraços.
Seu comentário comoveu de verdade, ao lê-lo, sentí a força.

Solyni disse...

Fiq a vontade, adoro novos laços!!!
bjs

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Querida amiga, obrigada pelo carinho.
Já falei para você do seu dom para a escrita.
Este texto sobre os sonhos me deixou maravilhada.Sai um livro ai? Sou a primeira a comprar.
Uma feliz semana para você.
beijosssssssssssssss

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Vanuza.

Denso foi o texto que li.
Caça, fuga... UIA!!!
Sensacional!!

E está muito certa. Não tente interpretar os sonhos, inspire-se neles e depois nos dê mais um maravilhoso presente como este. :-)

********

"Aquilo que se faz por amor está sempre além do bem e do mal."
Friedrich Nietzsche







BOA SEMANA!




♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥




http://brincandocomarte.blogspot.com/

___________________________________

O Árabe disse...

Belo texto, amiga! Mas, confesso, torço para que teus sonhos se tornem mais tranquilos. :) Boa semana!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Seus textos,sonhhados ou não,são vivos e fazem com que consigamos ver cada cena detalhadamente!!!!

Você é incrivel!!!

Adoro ler tuuudo que escreve!

Beijos!!

Sonia Regina.

cirandeira disse...

Tô eu aqui outra vez, para agradecer-te a visita tão carinhosa
que me fizeste. És sempre tão gentil...fiquei muito sensibilizada
com tuas palavras. Muito obrigada.
Agora, quanto aos João, Maria e todos os mortais, só posso dizer que tem uns mortais(a grande maioria da população mundial)que estão mais mortos do que outros. Os ninguém sem ter o quê comer, sem ter onde morar, os ninguém que vivem mesmo à margem da vida. Infelizmente...Estão nas ruas, nos sinais de trãnsito, debaixo dos viadutos, nas favelas, nos sertões...por toda parte... Como disseste muito bem, somos "pobres mortais", mas nem todos querem admití-lo. Tô falando demais, não é? É que esse assunto é muito complexo e fico "me coçando" rrss
Uma excelente semana pra ti, cheia de inspiração literária!
Bjs

Bala Salgada disse...

Bonitinho né, ele foi treinado para não come tudo o que via pela frente. Daí a adestradora colocou cupcakes e ele fez aquela carinha fofa, resistindo à tentação, hehehe.

Abraço apertado querida.

Pedrasnuas disse...

TINHA QUE VOLTAR...ESSES LINDOS OLHOS VERDES AINDA TE PERSEGUEM,NÃO SERÁ? SE ESTES OLHOS ESCUROS TE FAZEM CHORAR... SERÁ POR SEREM ESCUROS? OU...
HÁ RECORDAÇÕES QUE FICAM COMO TATUAGENS EM NÓS...NUNCA NOS LIBERTAMOS DEFINITIVAMENTE...

CARINHOS MIL DE AMIZADE FRATERNA E SE EU ME ENGANEI NOS AMORES ...TROQUEI OS VERDES PELOS ESCUROS OU VICE VERSA DELETE O COMENT:)))

Daniel Costa disse...

Vanuza

Os sonhos serão imaginação talvez, dizem ser o inconsciente a funcionar, no que acredito. Porém não me parece terem interpretação plausível, fiz experiências pessoais, deu que sendo optimista os sonhos refleciam, mais nada.
No entanto, neles se encontram motivos a inspirar uma bela prosa, como povaste.

Beijos
Daniel

b disse...

Quando receber o meu contrachoque (rs), vou tentar comprar o livro.
Ora...Herman Hesse para Jung?
IMPERDÍVEL.
Em tempo: lá no orkut, a minha figurinha é a bandeira da Turquia.
Que as Divindades te cubram de pétalas do jasmim.
Aos 12 ganhei um livro de estórias indianas prá crianças e aos 16 li Sidarta do H.Hesse.
Finquei-me nesse processo para sempre.

Déia Arakaki disse...

Oi Queridaaaaaaaaaaaaaaa!!
Como voce esta tudo bem?
Espero que sim!!
Dei uma passadinha aqui correndo para lhe deixar um beijao viu!!

Fica com Deus

Déia Arakaki disse...

Ai menina vivo correndo rs, como so tenho net no trabalho me divido entre o trabalho e as postagens e visitas aos amigos do blog é uma correria so.
Voltei para ler com mais atençao seu texto.
Quando eu era mais nova gostava de tentar saber os signifidos dos sonhos que eu tinha , atraves daqueles famosos livros dos sonhos.
Depois de adulta , quando comecei a estudar a doutrina espirita, parei de tentar interpretar desta forma.
Enfim é isso ai!!

Beijao lindona

Pelos caminhos da vida. disse...

Volteiiiiiiiii amiga.

Que lindo está a sua casa.

Estou um pouco perdida pelo tempo que estive ausente,mas tudo é questão de tempo.
Senti saudades de todos vcs meus amigos,nossa como foi difícil ficar longe,nem acredito que estou de volta.
Obrigada amiga pela sua presença.

beijooo.

Pedrasnuas disse...

MUITO OBRIGADA PELO VOTO DE CONFIANÇA...

BEIJINHO AMIGO

b disse...

Tb te adoro!
Não conta não!
Vou mergulhar no livro .
Se não encontrar, encomendo.
Mas cada vez que entro aqui leio novamente o texto, olho o beco e me sinto de um jeito assim...assim...
O que escreveu é mais profundo do que pensas .

Daniel Costa disse...

Vanuza

Se soubesses a letra, para trautear, de uma velha canção de Artur Ribeiro, cada vez que me avistas dizias assim: Sambinha chato... chato... chato...
Sorri!... Fica o meu convite especialíssimo para ires blogar a selinho que acabo de postar - amigos selinhos.
Beijos,
Daniel

cristal de uma mulher disse...

Minha querida suas letras são de uma literatura perfeita e solidaria como não tenho visto..Tenho um enorme carinho por esta leitura e voltarei pois já estou te eseguindo e levando o trevo de seu blog,não pelo mito da sorte pois minha sorte é Deus mais pelo prazer da natureza..Te espero em meu blog que agora tambem é teu..beijos

Cultura Malcriada - disse...

Oi Van!!
Mas menina... a inspiração tá correndo solta aí, hein!!! rs

Bjão!

Rabisco disse...

Olá Vanuza!
E assim deve ser... a interpretação deles nada te traria, mas a inspiração sim, especialmente a todos nós.
Quantas vezes nos damos a uma correria desenfreada, onde tudo está escuro e fechado e em que o desespero dá lugar às sombras?
Faz parte de nós...mas mesmo sem forças seguimos em frente, a luz lá no fundo, os passos espaçados que ouvimos ao longe...

Agarra esses sonhos e presenteia-nos a nós desta forma!
Obrigado!

Beijinhos

Canto da Boca disse...

Que excelente contadora de histórias, tu és, Vanuza! Fiquei em suspenso e envolta em uma tensão profunda, até o final da leitura do texto, e junto com um suspiro aliviado, veio o relaxamento. Mas a leitura foi entremeada de medo e ora a vontade era de desistir, ora era de ir até o fim para ver esse desdobramento.
Você sabe envolver.
Um beijo grande e um ótima dia!
;)

Nilson Barcelli disse...

Os sonhos podem ter sido atribulados, mas a sua prosa é pacífica...
Gostei do seu texto.
Beijo.

Andresa disse...

Amiga Vanuza, que supresa fiquei quando recebi sua visita.
Visitaste meu blog de selo/mimo, mas peço que venha conhecer meu blog principal http://coisinhasdebibiba.blogspot.com
Será bem recebida.

E que eu encontrei aqui, lindos escritos que estou ainda a comtempla-los... vou ficar por aqui lendo tais linda postagens.
Um grande beijo
Andresa Araujo

Pedrasnuas disse...

SEMPRE SIM PARA NÓS DUAS,VANUZA...
SEM UIVO DE LOBO NEM PESADELOS MAS COM MUITA TERNURA E CARINHO POR TI...

OBRIGADA MINHA AMIGA

BEIJINHO E TUDO DE POSITIVO

O Profeta disse...

Troquei as voltas a um Golfinho feliz
Afagei a cria de uma Baleia azul
Confundi uma nuvem com ilha encantada
Perdi-me na rota entre o Norte e o Sul

Aprisionei o olhar de uma gaivota
Enchi a alma com penas de imensa leveza
Enchi o coração de doce maresia
Adormeci nos braços da incerteza

Vem viajar comigo no meu barco de papel


Boa semana

Doce beijo

cirandeira disse...

Olá amiga, amanhã, 18/09, o "cirandeira" completará 1 aninho de blogosfera! Apareça para prestigiá-lo com sua presença.Terei muito prazer!
Bjs

cirandeira disse...

Oi Van, ainda estás por aí? Acreditas que só agora, conseguí terminar a postagem? A droga da net
empacou tudo:foi uma luta pra conseguir concluir.Tive q refazer 3 vezes!!Que ódio...mas enfim, CONSEGUÍ. UFA!
Gostei demais do que escreveste.Parece que durante as madrugadas a inspiração brota melhor, né não? Quando é que vai sair o livro de contos? Vê se me avisa, hein?
Bons sonhos madrugadores
Bj

Bala Salgada disse...

Olá querida!

Estranho alguém construir um carro assim, realmente, rs.....

Milhões de beijos!!!!

Léo Metallica disse...

Caraca... arrepiei. Enquanto ía lendo o texto, me veio a todo momento a música Knights in the Sky de Johnny Cash nas vozes dos Blue Brothers (Viste o filme?).

Então... me parece a fuga de um Umbral (Conheces o termo?), escapas-te de um Umbral e vieste a realidade nua e crua, como que se estivesse perdida em meio a vida do mundo de carne e osso.

Sentiu-se desesperada? Confusa?

Qual deve ser a reação dos mortos retornando ao mundo dos vivos?

Agora me diz? O que fizeste neste lugar moça?

Penso eu que sua alma foi lá como um Anjo da Guarda para salvar alguém que lá esteja... Mais você não estava preparada e fugiu com medo.

Foi essa a interpretação. Mais te digo que a melhor interpretação é a nossa subjetiva.

Direto da Terrinha.
Beijos linda. Teu blog é excelente.

SAM disse...

Bom dia, Vanuza!


Amiga, fui até comedida nas palavras. Poucas para quem, como você, tem uma imensidão de afetos dentro de si e poucas para quem, como eu, tem muito mais a dizer, pela admiração.


Lindo fim de semana, amiga! Beijos com carinho.

Beautiful Stranger disse...

vim me re-abastecer de poesia, de alegria e de amizade; fuga que trouxe libertação, descritiva sensação de liberdade com as palavras que você consegue juntar tao bem...

BS
strangerbeautiful.blogspot.com

Val Du disse...

"Musa Vanuza". Nosso amigo, Daniel é o máximo!

Adorei sua visita lá no meu blog.
Volte mais vezes.

Beijos

Bala Salgada disse...

Olá querida!

Rs...Um ótimo domingo, o meu já começou mas que o seu seja melhor! hehehe

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA VANUZA, MAGNÍFICA POSTAGEM,,, SIMPLESMENTE SUBLIME!!!
PODES IR BUSCAR AS FOTOS QUE GOSTES... ESTÁ Á VONTADE!!!
BEIJINHOS DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Deusa Odoyá disse...

olá minha linda amiga.
as vezs na vida precisamos correr ao mundo dos sonhos.
Gritar essa liberdade que nos aprisiona a alma.
A libertação dos dias a dias de anseios e fantasias.
Os sonhos, são tão intensose internos, que ningém é capaz de descrevê-lo.
Linda essa sua fuga por entre os becos da vida.
Uma semana de muitas realizações e paz.
beijinhos doces.
Regina Coeli.

Apareça, viuuuuuu no meu cantinho.
Fique na paz.

O Sibarita disse...

Rapaaazzzzzz... kkkkk Moça, você quer me lenhar, é? kkkkkk

Que sonho retado esse, é para interpretar? Né não? kkkkkkkkkkkk

Ah, joguei as cartas aqui e agora, sabe o que diz do seu sonho?

Valha-me meu Ogun de Ronda! klkkkkkk

Não quer saber não? kkkkkkkkkkkkkk

Vou dizer! kkkkk Ah você é uma mulher de luz, mas, cuidado com o bicho papão! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Porreta seu texto sonho!

Moça, desculpe a demora em vir aqui, falta de tempo e obrigado sempre pelos comentários no Sibarita.

bjs
O Sibarita

Pedrasnuas disse...

AGRADECIDA PELO COMENTÁRIO TÃO GENTIL E SIMPÁTICO... EU NÃO CONHEÇO O FILME...UM DIA HEI-DE ARRANJAR TEMPO E PROCURAR SABER MELHOR ACERCA DO MESMO...FICA ESSA CURIOSIDADE.

UM ABRAÇO AMIGO E UMA SEMANA FELIZ

O Árabe disse...

Boa semana, amiga! Com belos sonhos... :)

Pedrasnuas disse...

ABRIU TODAS AS PORTAS DO MEU BLOG...GOSTEI DO GESTO "ATREVIDO".

MUITO PRAZER EM CONHECER O OLHAR TERNO E SORRIDENTE

BEIJOCAS

Léo Metallica disse...

Adorei sua foto de capa no blog. Ganhou em personalidade. Pois em suas postagens eu vejo uma mulher mística (O véu), romântica (Véu Rosa), sorridente (Auto-explicativa) e linda (Auto-explicativa também).

Direto da Terrinha.
Beijão linda.

eva disse...

Sua foto está linda (graças à modelo que aqui o fotógrafo só precisou de carregar no botão e sem recurso ao photoshop).
Que a semana seja de paz e alegria.

Drica disse...

Passei momentos agradáveis vendo esse Slide das Rosas.

Luciana disse...

Oi Vanuza tudo bem contigo?

Bjs e uma ótima quarta feira

Bala Salgada disse...

Olha colocou a fotinho, que legal linda.
A foto ficou mágica, tem um efeito de névoa parece.

Uma semana maravilhosa!!

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Vanuza.

Tá poderosa na foto!!!!!!!! Muito linda (a foto e a modelo). :-)

Quero agradecer sua presença sempre ADORÁVEL em meu blog. Valeu pela força!! :-))

*********

Primavera

Abriu-se em flor
todo o jardim
rosas vermelhas
branco jasmim.
Pairam bailando
os colibris
beijando dálias
e bogaris.
John S. Bunker



TEM MIMO PRIMAVERIL ESPERANDO POR VOCÊ.




MUITAS FLORES EM SEU FIM DE SEMANA!




♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥




http://brincandocomarte.blogspot.com/

___________________________________

neide disse...

Oi minha linda! Saudades daqui, de você. Seu cantinho está lindo.

Bjssss. Boa noite querida.

DarkViolet disse...

Os Lobos aconpanham a Lua, e esses dois juntos gemem no horizonte como companheiros do infinito. poucos sabem escutar esse divagar com a melodia da Alma

Sou blogueiro - INDICOESSE disse...

OOIIIE Vanusa! Prazer! Meu nome na verdade é Douglas, respondo por "Sou Blogueiro"!
Desejo a vc bom final de semana!
Cliquei nos seus links pra poder ajudá-la, bjos... vai receber um bom dindin hoje, he

Bjo

Pelos caminhos da vida. disse...

Tem presente lá no blog pra vc amiga.

beijooo.

Guilherme disse...

Mãe, nada tema. Estou aqui para lhe dar apoio, sempre.
Seu filho, Guilherme.

[~eu&vc~] disse...

Muito ruim esse pesadelo. Mas ficou legal escrito por você. Vai ter post por lá.
Ti amamus