sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Paraíso e lazer...


TROVINHA DA MARIPOSA (Vanuza Pantaleão)
Mariposa colorida
Rodopiante e louca
Asa queimada, caída
Morreste por coisa pouca
---------------------------------------------

Meu amigo Mário Leal enviou-me por e-mail alguns sonetos pouco conhecidos do seu xará Mário de Andrade, senti-me como no paraíso e esse foi o meu melhor lazer de final de semana...os sonetos do imortal da Semana de 22.

Obrigada, amigo!


MÁRIO DE ANDRADE
SONETO:


Aceitarás o amor como eu o encaro?
Azul bem leve, um nimbo, suavemente
Guarda-te a imagem como um anteparo
Contra estes móveis de banal presente
Tudo o que há de melhor e de mais raro
Vive em teu corpo nu de adolescente
A perna assim jogada e o braço
O claro olhar preso no meu, perdidamente
Não exijas mais nada
Não desejo também mais nada...
Enquanto a realidade é simples
e isto apenas for grandeza...
a evasão do pejo
o nascer das ilusões e
o encanto das adorações serenas.
--------------------------------------
Mário de Andrade, eternamente Poeta!

123 comentários:

ÁRVORES DO SIMAO disse...

Cara Vanuza, sempre tive uma quedinha por trovinhas, assim tão bonitinhas, desde o meu começo de estudante, ainda hoje me pego a me entreter às quadrinhas populares, quanto é bom sentir a leveza da rima, doces caminhos, malícia gentil do teu pensamento, bonitinho mas danadinho.
[cara amiga, não andei ausente, mas só um pouquinho mais ocupado, coisas de trabalho à sobrevivência, mesmo assim, obrigado.]

abraço, simao

Guilherme disse...

O soneto é de uma tocante sensibilidade, uma maneira sublime de fazer beleza em lirismo. Um grande abraço! Guilherme

Vanuza disse...

Mario, meu amigo!
Eu nem queria me pronunciar por ser "suspeita". Sim, suspeita por ser sua admiradora, aprendiz nas trovinhas (lembra-se?) e ter por você e sua família um AFETO E RESPEITO INFINITOS, além, "daquela dívida de gratidão" a qual nunca poderei saldar...
Gente, esse moço é gente muito boa, porém, discreto demais, rssss.
GRANDE ABRAÇO, AMIGO!!! Vanuza

Rodrigo disse...

O Soneto é uma das mais belas formas da poesia. Mário, além de um grande amigo, é também um grande sonetista, pois une a forma ao um lirismo suave e precioso.
Gostei também da graciosa trovinha da Vanuza. Um grande abraço ao meu amigo Mário e um beijo para o meu grande amor, Vanuza.

Mello disse...

Só você Vanuza para elaborar uma trovinha, assim, super amorosa.

Adorei o soneto... encantou a minha noite.

Beijinhos com afecto,

Graça Mello

Anônimo disse...

Minha querida amiga Vanuza,

Eu não tenho palavras, neste momento, para agradecer pela publicação de meu soneto em seu belo blog, como também pelo carinho de apor a ele essa linda trova.

Quero agradecer, também, ao Guilherme e ao Rodrigo, gentis que foram em seus comentários.

Deixo a vocês um fraterno abraço e reafirmo a profunda amizade que tenho por essa família maravilhosa.

Obrigado, de coração,

Mario.

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Essa Festa é sua, Mario! Você a merece! Podem vir, amigos...A porta dessa casa estará aberta sempre!!!

Mello disse...

Linda Vanuza,

O curisquinho e o mini não se dão bem... porque o mini é um pugilista, desafiador e no fundo um arruaceiro. O curisquinho é orgulhoso e ameaça morder-lhe o rabo. Assim fico no meio dos dois e procuro repartir os carinhos.

Obrigada pela mensagem. Vou visitar o teu amigo trovador... temos para aprender uns com os outros...
Obrigada por me abrires as portas da tua casa, as minhas estão sempre abertas para ti...
És encantadora, tal como a borboleta linda "mariposa" que ilustra o teu post.

Beijinhos, de afecto...

Graça Mello

Albert disse...

A arte de fazer sonetos é para poucos. Não se arrepiem, mas mesmo os grandes poetas mundiais, não conseguiam esse feito. Porém, poucos, um grupo seleto e vejo, Mario entre eles, os criam e com rima, métrica, ritmo, tudo o que têm direito. Uma "ciência" Poética que nos encanta. Parabéns por mais esse post! A trovinha traz lições...

Max disse...

Refinamento, gosto muito apurado. Um post e tanto!

Tininha disse...

Soneto, trova, Adão e Eva no paraíso...

Essência Pura disse...

Olá simpatia,

Ando sumida né?, desculpa...venho no meu cantinho rápido e saio correndo, mil coisas pra fazer...mas as coisas estão entrando nos eixos e não demoro a ficar com mais tempo...

Não pude deixar de te dar os parabéns pelo post, de uma delicadeza impar....adorei

Um feliz domingo pra vc e sua família e um beijo de carinho

P.s: obrigada pela postagem no seu blog do meu presentinho pra vc...isso faz a diferença em ternos de carinho...valeuuuuu

Miriam

Essência Pura disse...

Nossaaa, que sintonia - rsrsrsr
acabei de postar no seu blog e vou no meu e ainda vejo vc saindo - rsrsrsr

Adorei isso....

Bjusss

Miriam

Rose Tunala disse...

Seu soneto tem uma poesia mágica.

Bom fim de semana.

***Beijos***

Soraia Barbosa disse...

Olá minha querida amiga!
Nossa que lindo soneto, amo ler sonetos, é uma coisa tão sublime!!!

Tenha um ótimo domingo!
Forte abraço...

Carioca disse...

Demoro para chegar, mas quando chego:
ahammmmmmm...Soneto do Carioca Mario e Trova da bela Iguaçuana Vanuza. Quer mais?

Carioca disse...

Mariposa? É mau agouro!
Tô fora minha irmã, quem tiver peninha que pegue para criar.

vimaguin disse...

...Vanuza, bom dia, linda! vim te ler, trazer votos de um lindo domingo, e é claro não sairia daqui sem elogiar tua página sempre rica...bjus na alma.

Mello disse...

ERA UMA CASA MUITO ENGRAÇADA...NÃO TINHA PORTA, NÃO TINHA NADA! " (Vinícius Para Crianças).

Vanuza, você vai desculpar-me, eu nunca vejo tudo de uma vez...vou mastigando as coisas aos bocadinhos...
Conheço esta música, em criança cantei-a muitas vezes.
Afinal, o seu amigo Mario, o seu trabalho vai ser mais difícil de encontrar do que eu pensava...

O mim é um gato selvagem. Daqueles vadios que nunca tiveram dono. O meu marido salvou-o da morte. Mas o gatinho continuou a ser um pouco agressivo. Gosta mais de carne do que de peixe, adora morder como se fosse um cão. É terrível, bufa para todos os que se aproximam...

Fica bem amiga,

Já sabes, em breve voltarei, para beber mais um pouco…

Beijinhos,

Graça Mello

Mello disse...

vanuza,
Li esta frase no comentário da Carioca : "Mariposa significa mau agouro?"
Isso é verdade? E Porquê?

Sei que és uma pessoa muito ocupada, por isso quando tiveres paciência dá-me a resposta.

Beijinhos...

Avid disse...

Tambem sou amante dos sonetos. Para mim a forma mais encantadora d fazer poesia. Adorei.
Bjs meus

Dora disse...

Lindo este poema e todo o blog, adorei fazer esta pequena pausa que foi muito reconfortante. Parabéns.
Se quizer também me pode visitar me ajudando assim a me sentir menos só, pois eu comecei a escrever mesmo com o objectivo de combater minha solidão.
Bjos Dora

Deusa Odoyá disse...

Olá minha nova amiga Vanuza.

Passei para conhecer e estás de parabéns.
Muito rico em literaturas.
Um jeito simples e sensivel de fazer sonetos.
.
Abraços e fique na doce paz do senhor.
voltarei mais vezes, amiga.

te aguardo no meu cantinho.

Regina Coeli.

Sim eu digo disse...

Soneto inspirador
taí, vou lá
tu vai depois? -)

Sim eu digo disse...

Gostou do poema,
mas e do visual?
andaram criticando
o outro =)

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Ah, não...Insegurança, não!!!

Luiz Caio disse...

Oi Vanuza! Como Vai?
Te notei no blog de uma amiga, e dei uma passadinha para conhecer o seu espaço... Muito acolhedor! Belas poesias... Bem bacana!

UM GRANDE ABRAÇO.

coisas minhas disse...

Paraíso e prazer devem rimar com doce e o meu é de abóbora, vai lá pegar a receita, é facinha...

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Gente, o doce da creusinha é uma loucura, confiram!

Quero estar com você disse...

O prazer de amar faz parte da natureza, tu tá lindona aí!

Beautiful Stranger disse...

se enganou quando disse que te esqueci; amizades puras e sinceras não se apagam facilmente; perdoe minha falta de tempo; saudades...

:)
http://strangerbeautiful.blogspot.com
mail-msn-orkut: bs_live@live.com

Mello disse...

Olá Vanuza,Boa tarde!

Adorei a sua foto, você é muito bonita... muito bonita!
Obrigada pela explicação sobre a elegante borboleta...

Os meus bichinhos estão a milhas de distância, junto do meu marido, eles estão na Península Ibérica e eu no meio do Oceano Atlântico... só os vejo nas férias escolares. Segundo aquilo que eu sei, pelo telemóvel, estão bem...
Gostei do nome do seu gato… é chique!!!
Obrigada por teres passado no meu blogue, aprecio muito a tua amizade.

Beijinhos,

Graça Mello

Graça Mello

Crisfonseca disse...

Olá Vanuza,
tua postagem esta linda, adorei o soneto, é belo. Adorei a tua trova, é tão singela.
Queriada Vanuza, não se preocpupe, faça o que for necessário para que fique tudo em ordem com teu computador ok.
Agradeço-lhe as palavras gentis, e tenho o mesmo carinho por você.
Uma ótima semana
Beijos,
Cris

gosto de bichos disse...

E no paraíso, todos os bichos foram criados. Curto demais essas tuas figuras, te incomodo?

Cultura Malcriada - disse...

Seu blog cada dia mais eclético e revelando novos talentos (pelo menos, pra mim)
Bjão!

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Nenhum incomôdo, amiga!
Já ouviu o ditado,
"Prefiro um cachorro amigo a um amigo cachorro"? Sou ecológica até antes de nascer, rssss

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

INCÔMODO, SUA ANTA!RSSSS

daniel disse...

Vanuza

Apreciei o geral, mas gostei bastante do poema, que de facto é obra!

Daniel

Cadinho RoCo disse...

Eis aí uma deliciosa publicação.
Cadinho RoCo

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Vanuza. Lindo soneto. Um verdadeiro Paraíso do Prazer.
E a trovinha da mariposa, ora uma verdadeira gracinha. Simples e bonita.

Uma excelente semana para você.

Beijos mil! :-)

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Estou aguardando que o caro Senhor DANIEL venha nos ESCLARECER o real sentido que quis dar ao termo "OBRA" que, todos sabemos, tem duplo sentido. Creio que ele, como cavalheiro que sempre o considerei até então, não esteja usando essa palavra de forma pejorativa. APENAS UMA EXPLICAÇÃO!

Pelos caminhos da vida. disse...

Obrigada pela visita!

Doce soneto.

beijooo.

daniel disse...

Vanuza

Sinceramente e contrito apresento desculpas!...
No contexto, a palavra. A simples palavra é elogiosa no português de Portugal.
Nessa base, tentei uma maneira simples de dizer o quanto me agradou o texto, que achei muito bom.
Espero que tomes em atenção o pedido de desculpas.
Não me conheces, senão virtualmente, quando não saberias, que sou incapaz de menos consideração, posso dider, por toda a gente. No caso do texto que comentei, é porque me satisfez, caso contrário passaria ao lado. Jamais pretendi ser menos elegante.
A lição é que a palavra, no Brasil, só tem um sentido, que aqui é muito pouco comum. Atrevo-me a dizer que haverá quem a desconheça, pelo menos nesse sentido.
O português é, de facto, muito traçoeiro!...
Ficando ciente da grande lição e da tua benevolência. De quaquer maneira, deixo um aceno de simpatia e uma grande consideração.

Daniel Costa

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Prezado Daniel,
Não acho correto que pairem dúvidas entre pessoas que se relacionem e já que esclareceste o sentido do que disseste, então, está tudo bem!
Obrigada!

Zíngara disse...

O prazer de viver está dentro de nós. Há pessoas que vivem no paraíso e que não o valorizam. Aqui, sinto a força dos versos desse soneto perfeito e da amizade que devotas para com os teus amigos. Amiga tua sempre hei de ser!

KÁTIA CORRÊA DE CARLI disse...

Oi Amiga
Saudades de você!
Que trovinha mais linda... adoro trovinhas!
Andei sumida, estou sumida, estou trabalhando muito, já nem lembrava mais o que é trabalhar assim (rs)
e lá nem tem internet (snif)
Quanto às fotos, sim, fui eu quem fiz, tirando algumas que foi o Mauricio, mas tem autoria, e num tempo em que não existia máquina digital, daí era tirar a foto e torcer para sair! E pode copiar à vontade, a única coisa que peço é que citem a autoria... no mais, deleite-se!
beijos e já saiu da cama?

blog do dudu santos disse...

Existem poucos poetas de Sonetos, uma formulação difícil, nele não tem meio termo,ou é bom ou ruim
parabéns pela sua sensibilidade
bjo do artista

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Deste modo o universo das poesias demostram toda sua magnetude.
Assim saboreio esta compreenção em versos, me embalo e brindo a você

Milla Pereira disse...

Menina Vanuza! A vida vale por isso, as amizades que nossos corações conquistam! Só tenho a lhe agradecer e reafirmar os votos de amizade, lealdade e amor.
Obrigada, querida, você é 10 (mil)!
Beijos no coração
Milla

Laura disse...

querida vanuza, acho que fez fogo em pouca palha!... Não precisava se enervar e escrever assim ao amigo daniel pelo facto de ele por a palavra que não lhe soa tão bem como aqui...aqui é um elogio, ai não sei, mas vc perdeu as estribeiras rápido!...

Tenho amigos dessa terra linda e quando não sabem; escrevem e perguntam o sentido e depois ainda se riem, mas vc com sua pressa nem deu tempo!...Vá que tudo se esclareceu e o daniel como vc viu é um senhor e ainda pediu desculpas pelo que nem fez!

Assim quando não entender o que quer dizer algo...moça, pelease, pergunte...nós bem nos rimos com termos de sua terra e vc com os nossos, mas perguntamos e nos rimos e não nos zangamos!...
Um beijinho da laura que não gostou de ler tanta raiva sem razão, a um amigo querido...

João da Silva disse...

Lindos, tanto o soneto como as trovas!
Beijos!

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Laura,
Não tenho por hábito faltar com respeito nem com um inseto, mas seu "pito" chegou atrasado, eu e Daniel já nos entendemos. Sua intervenção é totalmente desnecessária!

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Essa Laura tá muito folgada, se voltar aqui apago na hora, nem vou me dar ao trabalho de comentá-la! Onde já se viu? Quem lhe deu esse direito???

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

MINHA PÁGINA NÃO É A CASA DA MÃE JOANA!!!
TÁ DANDO PRA ENTENDER???

weiss disse...

Como sempre, um momento de prazer.
Não deixo mais de passar por aqui,
abraços!

Jonas Santista Ulianov disse...

Ele sabia que eu o amava. Inclusive, ele escreveria algo para eu postar no meu blog. Ele me deu algumas idéias quando o criei. Infelizmente ele faleceu no domingo e ontem foi seu velório. O título da postagem é referente a númeração onde ele foi enterrado. Boa noite.

O Árabe disse...

Belo soneto, sim! Grato pela partilha, e boa semana.

João da Silva disse...

Vanuza, voltei para dizer que acatei sua sugestão.
Obrigado! Beijos!

victor disse...

Menina sua trova é de uma pureza singular. tem gostinho de quero mais. volto qualquer hora pra ler outros poemas. abraços

victors.gomez -
projetos sociais artes

Sinfonia Imortal disse...

Teu blog é um instrumento afinado, mas há aqueles que, desastrados, querem lhe quebrar as cordas. Não conseguirão!

O Trovador disse...

Aqui
Eu vejo
Um Brasil
Brasil
Verde do Paraíso
Amarelo do Ouro
Do Amor
Que lhe devotas
Quem se lembraria de Mestre Vitalino?
Vou também cantá-lo em minhas trovas
Ó moça, do Bom coração!

Mustafa Şenalp disse...

çok güzel bir site. :)

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

A sra. Jady Alves uniu-se a essa tal Laura, ambas exímias intrigantes e estão "apagando incêndio com gasolina", são emissárias da discórdia, desconheço o porquê, já que a primeira sempre teve um tratamento mais que afetuoso da minha parte, não só ela, como sua família. Querem a prova? Busquem um Poema- Homenagem que fiz de bom grado à sua neta bebê(BÁRBARA BELA) e a ela mesma ("O JARDYM DA JADY"). Mas, Daniel não é nenhum tolo e foi um dos que me incentivaram desde o início desse modesto blog...Trago a consciência tranquila, frase que poucos podem afirmar hoje em dia.
Não adianta, Jady e cia, vocês não vão me lançar contra a "comunidade lusitana", mesmo porque trago-a no Sangue e no CORAÇÃO!!!

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

E PARA QUE TODOS SAIBAM, DE UM VEZ POR TODAS: RESPEITO TODAS AS NACIONALIDADES, MAS...ADOROOOOOO SER BRASILEIRA!!!

Eu, sem clone disse...

Cara Vanusa, (nossa estou muito formal)! Vou lhe dizer logo: adorei sua poesia. Parabéns.
abraço

JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

MEUS AMIGOS,
VOCÊS VEJAM AÍ O QUE A INVEJA E O MAUCARATISMO DE UMA PESSOA FRUSTRADA É CAPAZ DE FAZER!
CUIDADO COM ESSA JADY QUE, NA VERDADE, NÃO É JADY...ENFIM, UMA ESTRANHA HISTÓRIA DESSA CRIATURA QUE JÁ É AVÓ, MAS QUE NÃO APRENDEU NADA COM A PASSAGEM DO TEMPO...DIGNA DA PIEDADE HUMANA, SÓ ISSO!!!
(e pensar que a ajudei nas suas piores horas, é assim mesmo!)

JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

TRISTEZA, NÉ, GENTE?
METENDO OS NOMES DE PESSOAS DA MAIS ALTA CREDIBILIDADE NO LAMAÇAL EM QUE CAIU...PIEDADE, SENHOR, PIEDADE PARA ESSA ALMA!!!

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Pois é gente, meu nome é feio, mas É UM NOME HONRADO...TEM GENTE QUE NEM NOME TEM, MUITO MENOS DECÊNCIA...TÁ SE BABANDO DE ÓDIO E EU SEI PORQUE, JÁ CONHEÇO A FICHA DESSA FIGURINHA HÁ MUITOOOOOO TEMPO!TUA BAIANA TEM POUCA RODA, SUA FULANINHA!
Mas, encerremos essa historinha sem graça, página virada!!!
(ela retirou até os comentários lá da pocilga dela, por que será???)

Carmello Café disse...

Amiga Vanuza, achei que tinha deixado um comentário aqui... Será que cancelei em vez de salvar?

Fico triste com esses barracos, uma bobajada sem fim e dar corda ainda piora a tolice.
Cada um com seu cada um, como dizem.
Por que você não implementa a moderação dos comentários?

Fica na paz, Vanuzita.
Um beijo e até.

JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
kalú disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Pois é, o Carmello tem toda a razão...Esse tipo de "gente" feito essa que se auto-intitula de Jady, é mesmo uma serpente peçonhenta que rasteja nas sombras e nos ataca na calada da noite, pois sabedora de que não fico no PC fuçando a vida alheia, vem aqui para usar o espaço que conquistamos com luta e sacrifício para despejar suas imoralidades. Gostaria que esse fosse mesmo um espaço DEMOCRÁTICO, mas já que essa infeliz quer transformá-lo em latrina, vou apagar o que disse, tendo em vista que fechou sua pocilga lamacenta para que eu não tivesse meu DIREITO SAGRADO DE JUSTIÇA. "Amigos" que vão procurá-la? Duvido, ninguém é louco de lidar com cobras venenosas e os que fizerem vejam por mim como acabam. Suma daqui sua imbecil! Já que se diz bibliotecária, vá pegar uma cartilha e aprender a ler. Ah, esse kalú (com acento que não existe) é "laranjinha" dela...Que coisa aviltante, uma mulher idosa sem respeito, sem DIGNIDADE!!!

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

SÓ UM TESTE:
Antes de implementar a moderação, vou deixar o espaço aberto mais um pouco e, com certeza, ELA VAI VOLTAR!
Daí, apago e ponho a moderação...Querem apostar como a SERPENTE VOLTA???
E volta por inveja, ingratidão e falta de caráter...Mas não vou permitir que ela atrapalhe mais a Festa de Amigos Preciosos como Mario, Milla e todos que me dão o incentivo de prosseguir...E PROSSEGUIREI!!!

kalú disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Crisfonseca disse...

Olá Vanuza,
quando tiver um tempinho passe la no meu cantinho, tem um desenho por lá.
Beijos,
Cris

JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Francine Esqueda disse...

Tudo lindo!!!
Bem sugestivo e muito atraente é a fotografia de LOST!
Adoro vir aqui!... mas...
Se eu não venho aqui, vc não aparece mesmo lá em casa, né?
Tenha um ótimo dia!
Beijocas e abraços

JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

BEM, VOU DEIXAR ESSA TOLA DIZER AS BOBAGENS ATÉ SE CANSAR...NINGUÉM VAI ACREDITAR MESMO, RSSSS...ENQUANTO ISSO A "BURRINHA" (eu) VAI FAZENDO OUTRAS COISAS ÚTEIS NA VIDA!
HAHAHAHA...SONORA GARGALHADA PRA VC "JADYZINA"!!!

Borboleta disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

VEJAM QUANTA DEMONSTRAÇÃO DE ÓDIO O DESSA COITADA...ENLOUQUECEU MESMO!!!
OLHA, SEM QUERER, VOU CHEGAR AOS 100...VOU ATÉ DEIXAR-TE MAIS UM POUQUINHO, SUA DESOCUPADA!!!

JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JADY*ALVES disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Adriano disse...

Os versos do poeta Mário são de uma beleza extraordinária. Peço-lhe que faça novo post com mais sonetos desse ótimo autor. Abraços!

SAM disse...

Lindas postagens, Vanuza! Como sempre você nos acarinha a alma com seus posts. Os sonetos são relamente belíssimos, uma sensível escolha. E adorei sua trova! Enfim , é sempre um prazer estar aqui. Parabenizo a todos e a sua sensibilidade em nos trazer essas amabilidades.


P.S. Querida, isto é um verdadeiro terrorismo que ronda a net.Infelizmente não estamos livres de situações como essas. Ainda esta semana, meu marido ( que nada entende de net)ouviu um relato da irmã de uma desembargadora e de uma juiza aterrorizadores. Também passei uns momentos dificilimos que ainda perdura ( apos 3 anos!) pelo site de orkut e no meu blog. Ha pouco houve outro probleminha no blog, mas bem contornado, graças a Deus.


Ótimo fim de semana!


Beijos

Maria disse...

Olá amiga Vanuza,

Estou radiante com o seu soneto. É lindo e obrigada por partilhares a tua sensibilidade connosco.

É a Vanuza que está sentada na areia? Se é você é linda.

Bjs e bom-fim-de semana com paz

Voltarei...

Essência Pura disse...

Vanuza,

Vim dar uma passeada na net para esfriar a cabeça e como faz dias que não venho não imaginava o que estava rolando...É serio isso tudo?...Meu deus, que loucura...quanto despeito dessa moça...sinceramente, eu que nunca acreditei em nada que ela disse, agora se passando por outra pessoa, é isso, pois não?, e querendo colocar o teu espaço lindo para baixo????
Vanuza, não ligues, tens o que tens e isso incomoda....amigos, pessoas que gostam da tua franquesa e do carinho que tens por cada um deles...Conta comigo....(ta bom, sei que ando sumida, desculpa, mas minha vida anda numa correria danada, mas é só uma fase (ainda bem que é assim) depois fica mais calmo...)
Fico triste por tudo isso, você não merece...
Qualquer coisa, manda um SOS...

Beijos de amizade

Miriam

Maria disse...

Olá Vanuza, obrigada pelo teu comentário você e a sua amiga são duas mulheres lindissímas.

Bjs e voltarei

O AMOR DE DEUS TEM VÁRIAS TRILHAS disse...

Drª Vanuza...parabéns pela bela poesi.
Ah ....eu roubei a borboleta pego boa imagens para colocar nos meus textos.
Parabéns pelo seu blog realmente lindo boa escrita jovem....
Iunes/Flamenguista roxo.

clean and clean disse...

Vanuza, demoro muito para te visitar, sou um viajante, mas quando volto te vejo sendo enredada pela inveja.
Isso é bom, menina, todos os bons profissionais dessa terra já enfrentaram a mediocridade. Agora que aqui estou, não vou te deixar.Aquele abraço do teu arquiteto!

beto melodia disse...

oi, vanuza.

um belo soneto e uma bela trova a que com maestria criaste.

e você me deu uma boa idéia para as segundas: voltar para a cama e tentar resolver tudo na sexta, antes do fim de semana...

beijos em seu trovador coração e um ótimo final de semana.

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Uma pobre mariposa e já morta, por que será que incomoda tanto?
Andam vestindo a carapuça???

vimaguinther disse...

...boa tarde, linda! passando para te ler e desejar-lhe um ótimo final de semana com prenúncio de primavera...muahhhhhhhh

Anônimo disse...

Voltei, Vanuza, e quero agradecer a você pela publicação de mais um de meus sonetos. A amizade é um inestimável tesouro, que deve ser guardado e cuidado com todo o carinho.

A você, ao Rodrigo e ao Guilherme, o meu fraterno e afetuoso abraço,

Mario.

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

NADA A AGRADECER, AMIGO MARIO!
TALENTO É TALENTO...O RESTO É FIGURAÇÃO!
FINAL DE SEMANA LINDOOOOOO...VOCÊ E SUA FAMÍLIA MERECEM!!!

Espaço do João disse...

Belos Sonnetos. estão muito bem estruturados e alegram o coração. Beijos João

Mello disse...

Olá Vanuza, minha querida,

O teu amigo Mário é um poeta do amor, define como ninguém as cores do amor.

Adorei a imagem das ondas, condiz muito bem com as cores do amor.

Beijinhos e um óptimo fim-de-semana,


Graça Mello

Mello disse...

Vanuza!

Linda e doce, Vanuza!

O teu comentário indicou-me o caminho da luz. Obrigada pelo afecto, estava a precisar.

Será um privilégio, para mim, contactar com o teu amigo Mario.
Beijinhos,

Graça Mello

Carlo Rochas disse...

Chère amie.

Le vendredi soir, ce ne pas par plaisir,mais par fatigue que je n’écris plus qu’en français, que je ne pense plus que dans une langue un peu mélangée comme celle de Salvatore en Il nome della rosa , il primo romanzo scritto da Umberto Eco con inzpiracione holmesiana. Una ricchezza de prosa, non è legata. A très bientôt. Pour de nouvelles découvertes.

Essência Pura disse...

Olá Alma Iluminada

Passando para desejar pra vc e sua família um final de semana de muita paz e alegria...

Beijos na alma

Miriam

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

AVISO ÀS PESSOAS DE BOA ÍNDOLE (E SÃO MUITAS, FELIZMENTE):
DUAS CRIATURAS PERVERSAS, UMA QUE SE DIZ CHAMAR JADY E QUE SAIU CORRIDA DE UM SITE POR FAZER PORNOGRAFIA QUE ELA DIZIA SEREM ERÓTICOS; A OUTRA, UMA PSEUDO-DOENTE E CHANTAGISTA QUE ME ENVIOU TRÊS DVDS PIRATAS QUE ELA MESMA FABRICA (VEJAM AÍ O CRIME DE PIRATARIA), ESSA SE CHAMA RE...(não termino o nomezinho porque não vou lhe dar essa confiança e TODOS a conhecem sobejamente); POIS BEM, ESTÃO INVADINDO OS BLOGS ALHEIOS E ESTÃO SENDO ENXOTADAS PARA FAZER FOFOCA E JOGAR SUJEIRA NO MEU VENTLADOR; ESSA JUDAS-JADY É O BRAÇO SUJO DA OUTRA E ESTÁ CITANDO O FATO DE EU TER SAÍDO DE UM SITE POR NÃO CONCORDAR COM A FILOSOFIA DO MESMO...ENFIM, QUEREM NOS EMPORCALHAR, MAS ESTOU TENHO UMA HISTÓRIA DE VIDA LIMPA E NÃO TENHO "RABO PRESO COM NINGUÉM"...AGORA, PERGUNTO: POR QUE A JUDAS-JADY NÃO ABRE OS SEUS COMENTÁRIOS? POR QUE ESTÁ AGINDO COVARDEMENTE E NA CALADA DAS MADRUGADAS?
TIREM AS SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES, AFINAL, COMO DIZIA O BOM E VELHO DITADO: " A VERDADE SEMPRE VAI APARECER"
BOM FINAL DE SEMANA PARA TODOS!!!Bjssssss

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

AGORA O ATAQUE É EM DOSE DUPLA:
"O PARZINHO DE JARRAS (RÊ-RÊ E JA-JA)", (daria uma dupla caipira, de mau-gosto), ELAS ESTÃO ME MANDANDO E-MAILS TERRÍVEIS, MAS NÃO VOU RESPONDÊ-LOS, NEM MESMO PUBLICÁ-LOS! EU IGNORO VOCÊS! VÃO FICAR SUJAS SOZINHAS!!!
TEM MAIS: ESTÃO FORJANDO RESPOSTAS QUE NUNCA DEI...Bem, acredite quem quiser! Não vou dar mais publicidade a esse tipo de "gente"...SÃO FIGURAS NEFASTAS, TENHAM CUIDADO AMIGOS! MUITO CUIDADO MESMO!!!

A Voz da Floresta disse...

O Paraíso, encontrei! Com belos sonetos, o mar, esse casal em pleno verde, o amor, enfim.
Estou tratando hoje de um tema delicado, mas as notícias são ótimas.
Minha filha, não responda difamações, volte-lhes as costas, é tão simples!
O dia está tão lindo lá fora, vá dar um passeio com a sua família.
Já estou louco pra ler teu próximo post! Abraço de quem te quer muito bem...

Anônimo disse...

Não te passou pela cabeça que Re e jady sejam a mesma pessoa?

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Anônimo, só deixei passar seu comentário porque a hipótese pode até proceder, embora eu pense o contrário, mas se você estiver mesmo empenhando em elucidar essa bobagem, por favor, use o seu NOME, tá? Não me leve a mal, mas denúncias anônimas são muito nocivas, além do mais, essas FIGURAS NEFASTAS já não fazem parte da minha vida...DEUS ME LIBERTOU DESSE KARMA!!!

Essência Pura disse...

Vanuza

Sabe o que acho? vc é importante demais para dar tanto credito a tanta baixaria...esquece tudo isso...se falam é pq vc faz a diferença....deixa isso tudo...vai dar uma volta, passear, rir, brincar, namorar muitooooooooooooo....e puxaaaa, cadé aquele post bem bacana que só vc faz?
Vamos lá, mãos a obra...
Vou ficar esperando para mais tarde comentar....

Bjuss e bom resto de sábado
(aqui nessa minha Ilha tá um frio danado)

Miriam

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Miriam, você me emociona no melhor dos sentidos...Já estamos aqui, amiga, preparando algo bem legal e vou na sua página, com muito prazer para te avisar...E ENERGIA POSITIVA É O QUE NÃO ME FALTA!!!
Obrigada, Anjo!!!

Francine Esqueda disse...

Van... Tem "presente" para vc lá no meu blog!

Bill Stein Husenbar disse...

Tenho passado pelo seu blog com muita regularidade mas nao tnho comentado. Gosto muito de aqui passar. Sente-se um aroma especial em cada sua obra. Quero lhe deixar este presente em jeito de prenda pelo maravilhoso blog

http://img49.imageshack.us/my.php?image=seloys1.jpg

Parabéns.

BSH

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

KÁTIA CORRÊA DE CARLI disse...

Querida Vanuza
Tô besta!!!! não tem outra palavra mais "fina" para significar meu espanto!
Como dizia minha mãe (e deve continuar dizendo do outro lado): Sangue de Cristo tem poder!
Nesta minha correria louca, eu passo, deixo um recadinho e vou-me embora para Ítaca (porque Pasárgada está cheia! rs)
Hoje, por conta de agradecer o lindo prêmio que você me ofertou, e, agora que voltei para casa (rs) qdo abriu a janela de comentários eu comecei a ler todos, para não passar atestado de incompetente e fazer pergunta idiota.
Menina, quanta energia negativa!
Esse povo não nada melhor para fazer não?
Vá pegar uma vassoura, um pano de chão, um vidro de Veja e juro que não terão tempo de ficar fazendo intregas e se metendo na vida alheia.
Este espaço para mim, a blogesfera, deveria ser uma coisa lúdica, onde pessoas com alguma coisa a acrescentar, compartilham, de vom grado, seus talentos, e nesta troca, todos saem ganhando.
Será que é tão difícil viver a própria vida? Será que não basta?
A injúria, o ódio, a maledicência, a inveja, o egoísmo, etc. é um veneno que as pessoas tomam esperando que o outro morra. E não percebem que estão suicidando...
Entritece-me ver tanta inteligência desperdiçada.
Que será que responderão, quando passarem desta para a outra, quando forem indagadas que fizeram com os talentos que lhes foram confiados?
Por isso sigo minha vida... não permito interferências... ajudo quando posso... quando não posso, oculto-me. É simples... tão simples!
Mas vamos lá:
Meu blog já tem selo!!!! Viva a Vanuza!!!! Viva eu!!!! que estou tão feliz que nem pinto no lixo.
No mais, amiga, é muita vibração positiva para vc e luz pro seu caminho.
beijo carinhoso, Kátia